Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    04 de Fevereiro de 2018 por Renato Campos

    Depois de vencer o Nets na última partida, o Lakers viajou até Oklahoma para encerrar sua viagem de 5 partidas fora de casa. Se muitos esperavam uma vitória fácil do Thunder, se enganaram e viram o Lakers vencendo a equipe de Russell Westbrook por 108 a 104.

    Tudo que se espera de um jovem elenco é que ele desenvolva durante a temporada. E talvez poucos irão discordar que o time não esteja evoluindo de forma bastante satisfatória até aqui.

    Finalizando uma série de cinco jogos fora de Los Angeles, o Lakers teve um retrospecto de 3 vitórias e 2 derrotas, e nos seus últimos 10 jogos, venceu seis deles.

    A partida de hoje contra o Thunder quebrou uma escrita de sete longos anos sem vencer o time de Russell Westbrook em Oklahoma. Naquela ocasião, o Lakers ainda contava com Kobe, Gasol, Bynum e Fisher em seu elenco.

    Estou orgulhoso da forma com que o time lutou desta vez em quadra. Sem esquecer de que estamos muito tempo sem jogar em casa e enfrentamos um grande time. @LukeWalton

    Apesar de nos últimos minutos o Lakers ter dado chance pro azar com uma série de turnovers, devido a grande pressão do Thunder, o time conseguiu manter o resultado positivo em uma partida cheia de pontos bastante interessantes a serem destacados. Josh Hart mais uma vez se mostrou um jogador bastante maduro e consciente das suas jogadas, com mais uma atuação acima dos dígitos duplos com 14 pontos e 11 rebotes. Além disso, sua aplicação defensiva foi um fator novamente que contribuiu bastante para que o time se mantivesse na liderança. Debaixo do aro, Brook Lopez que foi o cestinha do time com 20 pontos, marcou boa parte de suas cestas nos seus quatro acertos da linha de 3-pontos e ainda se movimentou muito bem abrindo o jogo para seus companheiros. Ao seu lado, Julius Randle (19 pontos, 6 rebotes e 4 assistências) foi literalmente um monstro em um duelo particular com Carmelo Anthony, que teve uma tarde bastante discreta de apenas 10 pontos acertando três dos seus 13 arremessos.

    Jogando de fato na armação do time nos minutos finais, Brandon Ingram também foi um dos grandes responsáveis pela boa evolução do time nesta tarde. Tanto na defesa, quanto no ataque, Ingram que chegou a ser dúvida para a partida teve uma atuação bastante eficiente acertando sete dos seus 13 arremessos e deixando a quadra com 16 pontos, 5 rebotes, 5 assistências e ainda 2 tocos - um deles que mostrou sua habilidade defensiva de forma impecável contra Carmelo Anthony.

    O Lakers tem a segunda-feira de folga, e recebe o Suns na próxima terça no Staples Center, o que será o último jogo do time antes do prazo final de trocas na NBA.

    Estatísticas

    Arremessos:
    Lakers: 48,8%
    Thunder: 44,9%

    Três-Pontos:
    Lakers: 43,3%
    Thunder: 28,0%

    Roubadas:
    Lakers: 6
    Thunder: 13

    Rebotes:
    Lakers: 40
    Thunder: 46

    Lakers:
    Hart: 14 pts, 11 reb, 2 ast e 2 roub. 39’
    Randle: 19 pts, 6 reb, 4 ast, 1 roub e 1 toco. 33’
    Lopez: 20 pts, 5 reb, 5 ast e 1 toco. 35’
    Ingram: 16 pts, 5 reb, 5 ast e 2 tocos. 35’
    Caldwell-Pope: 13 pts, 5 reb, 3 ast e 1 roubo. 29’
    Clarkson: 18 pts, 2 reb, 2 ast e 2 roubos. 23’
    Kuzma: 2 pts, 3 reb e 1 toco. 16’
    Nance Jr: 2 pts, 3 reb e 1 toco. 12’
    Caruso: 0 pts e 3 ast e 1 toco. 9’
    Brewer: 4 pts 8’

    Thunder:
    Westbrook: 36 pts, 5 reb, 9 ast e 1 roubo. 40’
    George: 26 pts, 7 reb, 3 ast e 2 roubos 40’
    Adams: 12 pts, 5 reb, 5 roub e 1 toco. 38’

    Fala aí!