Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Ricardo Romanelli

    21 de Junho de 2018 por Ricardo Romanelli

    No decorrer da temporada, o pivô DeMarcus Cousins, do New Orleans Pelicans, foi apontado como um dos alvos do Lakers para contratação nesta offseason. Ainda novo, com 27 anos, e com posição diferente do núcleo jovem da equipe, ele parecia a contratação ideal para a formação de um time forte mais adianta. Tudo isso caiu por terra quando, em janeiro, o atleta teve uma devastadora lesão de rompimento do tendão de aquiles. Este tipo de lesão tem péssimo retrospecto na liga, e dificilmente atletas voltam a atuar no nível que tinham anteriormente. Kobe Bryant, por exemplo, deve a esta lesão o final do seu auge como jogador.

    Com isso, as atenções se voltaram para outros alvos. A contratação de LeBron James e Paul George, além de uma troca por Kawhi Leonard, se tornaram os objetivos principais da franquia. Ocorre que, por mais atrativo que o Lakers possa ser, a obtenção destes atletas não depende só da equipe. Por isso, Cousins voltou ao radar de Magic Johnson e Rob Pelinka. A informação é de Shams Charania, do Yahoo, que também lista o Dallas Mavericks como principal interessado no atleta.

    Para Charania, que comentou o tema em podcast com Chris Mannix, o Lakers teria interesse em Cousins caso não consiga seus alvos prioritários na agência livre, desde que num contrato curto para avaliar a recuperação do jogador.

    É difícil saber se Cousins teria interesse neste negócio, pois um atleta voltando de uma lesão desta proporção precisa pensar em garantir o máximo de dinheiro possível. No entanto, se as ofertas das outras equipes forem parecidas, e ele estiver confiante o suficiente para acreditar que pode se recuperar no Lakers, num palco com mais exposição, seu ganho a longo prazo será maior.

    O período de negociações com agentes livres começa no dia 01 de julho, e a expectativa é que Lakers e Cousins sentem para conversar nos primeiros dias.

    Fala aí!