Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    lakers_arrasa_hawks_no_1_tempo Os torcedores de Los Angeles sentiram falta de ver o time atuando no Staples Center, já que nas últimas 3 semanas o time esteve na mais longa viagem da história, num total de 9 jogos. Além disso, todos estavam anciosos em ver o primeiro jogo de Gasol nos territórios do Lakers. O time não decepcionou a torcida e deu um verdadeiro show, tendo decidido o jogo logo nos dois primeiros quartos de jogo, conquistando assim uma convincente vitória sobre o Atlanta Hawks, único time que venceu o Lakers desde que Gasol chegou no time.

    E o jogo começou de um jeito totalmente diferente do que viria a ser mais tarde. Pau Gasol, em sua estréia no Staples Center, cometeu o primeiro erro do time aos 15 segundos e logo em seguida Marvin Williams fez a primeira cesta do jogo, para o Hawks. A alegria dos visitantes começou a acabar logo em seguida. Depois de um bom momento, o Lakers já estava com 12 a 4 no marcador e todos os titulares já haviam pontuado. Ainda que o time de Atlanta tentou reagir e faltando 6:26 minutos para o fim do primeiro quarto, Mike Bibby fez sua primeira cesta com a camisa do Hawks. A reação não foi longe e após um combo de Pau Gasol, o Lakers já abria nova vantagem. Faltando 5 segundos para o fim do primeiro período, Bryant roubou a bola de Joe Johnson e com mais dois pontos dele, o Lakers venceu o primeiro quarto por 32 a 14.

    Para o segundo quarto, o único titular que começou em quadra foi Lamar Odom, que novamente vinha fazendo uma ótima partida, principalmente na captura de rebotes. Após um certo equilíbrio nos primeiros minutos do segundo período, o time de Los Angeles voltou a se impor no jogo. Farmar, depois de apresentar grande atuação no jogo dos calouros, aparecia muito bem vindo do banco de reservas, junto com Luke Walton que também apareceu bem. Com os titulares voltando para quadra, a avalanche continuou e com uma sequência de 13 pontos sem resposta do Hawks, a vantagem já era de 34 pontos. Muito bem na defesa, o time conseguiu abrir 41 pontos, mas no final Jeremy Richardson apareceu bem com 2 bolas de três para diminuir um pouco a diferença. Com Josh Childress acertando um arremesso no estouro do cronômetro, o Lakers foi para os vestiários vencendo por 73 a 37.

    Com tanta vantagem no placar, o Lakers voltou para o jogo no terceiro quarto um pouco mais desligado que o adversário. Josh Smith, Joe Johnson e Acie Law aproveitaram o momento para aparecer um pouco mais no jogo. Mesmo assim, o time do Lakers ainda conseguia manter a vantagem em torno dos 36 pontos que conseguiu no primeiro tempo de jogo. Mas uma sequência de 13 a 2 para o Hawks fez com que a vantagem fosse para a casa dos 20 pontos. Com uma bola de três de Smith, a vantagem chegou a cair para 23 pontos. Depois disso, o Lakers fez 4 pontos seguidos e a vantagem foi para 27. Faltando 7 segundos para o fim do terceiro quarto, Odom acertou uma bola de três e o Los Angeles levou 28 pontos de vantagem para o último quarto.

    E o último quarto do jogo nem precisava ocorrer, o jogo já estava decidido. Sendo assim, o único titular pelo lado do Lakers a atuar no período foi Vladimir Radmanovic, e ainda assim foi por apenas 3 minutos e meio, quando deu lugar para DJ Mbenga. Quando faltava 6:20 minutos por jogar, Coby Karl foi o segundo jogador do Lakers a jogar um jogo pela D-League e pela NBA no mesmo dia, algo que Farmar havia feito na última temporada. E Coby Karl conseguiu uma bela enterrada que levantou os torcedores presentes no Staples. Karl ainda conseguiu uma cesta com direito a arremesso de bonificação para coroar o seu dia. Resultado final, Lakers 122 a 93.

    Kobe Bryant, que praticamente não jogou no jogo das estrelas devido ao problema que tem no dedo, teve uma grande atuação, anotando 23 pontos, pegando 5 rebotes, 3 assistências e ótimas 5 roubadas de bola. Gasol anotou os mesmos 23 pontos que Bryant. Lamar Odom e Vladmir Radmanovic mantiveram a boa fase. Odom anotou 17 pontos (7-9 FG) e pegou 15 rebotes, enquanto Radmanovic converteu mais 14 pontos (5-9 FG), além de 4 assistências, 4 rebotes e 3 roubos de bola. Esta foi a 36ª vitória do time na temporada, assegurando a terceira colocação no oeste.

    Assista os melhores momentos da partida

    Confira os destaques da partida

    Fala aí!