Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    lakers_espera_finalizar_serie Los Angeles Lakers e Denver Nuggets jogam por diferentes objetivos hoje à noite em Denver, no Colorado. O time de Kobe Bryant tenta fechar a série melhor de sete jogos em quatro à zero, enquanto o Nuggets precisa da vitória para forçar o quinto jogo em Los Angeles e tentar manter viva a esperança de avançar para a próxima fase do mata-mata decisivo da NBA.

    O Lakers tem a história ao seu lado. Nenhum time na história da NBA conseguiu reverter uma desvantagem de 3 à 0 e vencer uma série de Playoff's. Para se ter uma idéia da dificuldade neste tipo de situação, uma reviravolta assim só ocorreu duas vezes, e na NHL, a outra foi na Major League Baseball. E o que mais parece atrapalhar o time do Denver, além do Lakers, é a crise interna que a equipe vive. Carmelo Anthony chamou a atenção de técnicos e jogadores, enquanto que Allen Iverson cobrou explicações por ter ficado no banco praticamente o quarto período inteiro no jogo passado. Para Anthony, seu time desistiu, mas, pelo lado do L.A., ninguém acredita nisso.

    "Eu acho que era frustração e raiva", disse Derek Fisher sobre as declarações de Carmelo. "Não é algo totalmente racional. É uma forma de ele expressar o que está sentindo. Acho que isso é importante as vezes. Não foi algo que ele fez conscientemente. Esperamos um grande esforço e teremos que jogar melhor do que jogamos no sábado para vencer hoje à noite", analisou Derek. Questionado sobre o que espera do Nuggets para a partida de logo mais, Phil Jackson declarou: "Estava na sala de musculação e tinha mais ou menos 150 cartazes de "eu acredito" nas máquinas. Para fazer isso, eles precisam ser capazes de fazer algumas coisas que ainda não fizeram, defesivamente e ofensivamente", disse Jackson. "Nosso trabalho é colocar dúvida na cabeça deles. Acho que no começo do segundo tempo no sábado, conseguimos estabelecer algo que foi desapontante para eles. Criamos aquela liderança e isso os abalou", revelou Phil.

    Outro fator curioso é que no último jogo, Kobe Bryant liderou o Lakers em pontos, com 22, foram cinco jogadores com mais de 10 na partida. O Nuggets conseguiu o mesmo feito, porém, o L.A. jogou como equipe, o Denver não. "Para ser um time de sucesso, você tem que contar com todos", disse Pau Gasol. "Todo mundo tem um papel importante neste time e talento o bastante para ser decisivo quando necessário", analisou o astro espanhol. "Acho que estamos em grande forma. Confiamos um no outro. Jogamos em equipe, dividimos a bola. Em algumas noites, uns vão marcar mais pontos, outros menos. No final o que interessa é que tenhamos sucesso para conquistar a vitória", finalizou ele. E como os repórteres já estão prevendo um encontro contra o o Utah Jazz na próxima fase, afinal, o time de Carlos Boozer lidera a série contra o Houston por 3 à 1, Derek Fisher prefere ser cauteloso ao comentar o assunto. "Uma série pode se modificar em um jogo", disse ele. "No momento, estamos concentrados no Denver Nuggets. Falaremos sobre a próxima fase quando estivermos lá. Você sempre fica atento sobre seus oponentes, mentalmente e fisicamente", disse Fisher.

    Cautela é preciso, vencer, mais ainda. Não perca o jogo hoje às 23:30hs, horário de Brasília. Opine, comente, troquem links e discutam os aspectos abordados aqui e levantem dúvidas para serem discutidas. GO LAKERS GO!!

    Fala aí!