Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    de_volta_a_uma_final_de_nba Quatro anos atrás, o Lakers perdia a final da NBA para o Detroit Pistons e entrava em um processo de reformulação total em seu elenco. A polêmica envolvendo Shaquille O'Neal e Kobe Bryant começou, Shaq pediu para ser trocado, Malone se aposentou, Fisher foi trocado e Payton também fez as malas. Não bastasse isso, o técnico Phil Jackson também havia saído, depois de cinco temporadas no comando da equipe. O único a continuar no time foi Kobe Bryant, a aposta do Lakers.

    O que parecia, com o passar das temporadas é que o Lakers havia entrado em um buraco daqueles. Contudo, com o desenrolar desta temporada as coisas foram se acertando e na noite de ontem, após mais uma magnífica partida contra o San Antonio Spurs, o time retornava a grande decisão da NBA, com um time jovem, porém muito forte e com um comandante que talvez não se via desde Michael Jordan, o MVP da temporada Kobe Bryant.

    "Isso é uma tremenda realização," exaltou Kobe Bryant. "Eu acho que o Oeste é extremamente forte. Todos nós estamos extremamente excitados e orgulhosos sobre isso. Para nós, que não temos tanta experiência como outros times deste Oeste e ainda assim estar apto para vencer o Oeste, eu acho que mostra muita maturidade. Agora, é hora de ir lá e ver se não podemos finalizar isso."

    Lamar Odom não conseguia esconder o seu grau de animação, mesmo após o jogo ter terminado. "Meu coração continua batendo forte, a adrenalina ainda está correndo por causa do jogo. Talvez quando eu sentar para comer algo eu irei cair na real para o que está acontecendo.", comemorava Odom. "Viemos aqui, jogamos nosso jogo e vencemos. Isso é satisfatório, mas é apenas um passo a mais."

    Antes de a temporada ter se iniciado, Kobe Bryant tinha pedido para ser trocado, mas, segundo ele, desde o momento em que a temporada começou, ele esqueceu de vez isso. "Uma vez que a temporada começou, eu não pensei nada sobre troca ou qualquer coisa parecida."Eu apenas me foquei em o que u precisava fazer para ter este time jogando o nosso melhor basquetebol. Foi isso o que eu fiz."

    Dentro do vestiário, havia muita excitação. Os jogadores falavam sobre o arremesso de três convertido por Sasha no estouro do cronômetro. "Somos um bando de crianças, então, aproveitamos isso," disse Bryant. "Nós rimos, brincamos, fizemos palhaçadas... Nós somos um tipo de bando de patetas."

    O experiente Derek Fisher parecia um daqueles caras com uma placa de "Eu já sabia!". "Eu realmente esperava estar aqui, mesmo com todas as questões do começo da temporada," disse ele.

    Do lado do Spurs, o técnico Gregg Popovich falou um pouco sobre a derrota de seu time.

    "Eu acho que fizemos um bom trabalho. Apenas não tivemos um bom desempenho ofensivo por várias razões. O fato de não termos sido fortes no ataque obviamente é desapontador, mas parte disso é crédito do Lakers." disse Popovich. "O Spurs apenas jogou com um time que era melhor. Esse é o porquê que o Lakers ganhou. O melhor time vence. Você leva uma série melhor de sete, ganha quatro jogos, você tem o melhor time."

    Phil Jackson também comemorou o título da conferência Oeste, mas mostrou bastante experiência e respeito para o que vem a seguir.

    "Eu prefiro não me envolver pessoalmente isso e eu penso nisso como uma conquista do time," disse ele em relação a o que jogar a Final da NBA significa para ele. "Assim como eu aprecio muito o fato da liga enfatizar o troféu do Oeste, isso não significa muito enquanto o grande prêmio ainda não está aqui."

    "Nós vemos ambos os oponentes [Boston e Detroit] com grande respeito e sabendo que temos uma grande, grande montanha para escalar para estar apto para terminar a final com uma vitória."

    Mas Jackson também se mostrou muito feliz com o time. "Nunca há um momento de aborrecimento com estes meninos," disse ele que três temporadas atrás se desligava do time, chamando isso como uma "história de reconciliação, redenção e de reunião."

    Para finalizar, Kobe Bryant resumiu bem o que é tudo isso.

    "Isso é o Lakers. Eles costumavam vencer a conferência Oeste. Eu não acho que as pessoas sairão pelas ruas para fazer um motim ou qualquer coisa do tipo. As pessoas celebrarão e ficarão felizes, mas nós jogamos para uma coisa, e apenas uma coisa, e isso é o campeonato."

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter