Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    lo,_pau,_kb,_fish,_rad,_lakers Entrando em quadra com uma enorme responsabilidade, o Los Angeles Lakers conseguiu superar todas as dificuldades, entre elas a lesão que atrapalhava Bryant, e da um importante passo rumo a final da conferência Oeste ao vencer o Utah Jazz, em casa, em outra grande batalha entre as duas equipes.

    Bryant começou o jogo mostrando ao Jazz que não vai ser uma dor que vai abaixar o nível de seu jogo e converteu os cinco primeiros pontos do Lakers na partida. O Lakers porém não dependia apenas do MVP Kobe Bryant e outros jogadores, entre eles Radmanovic, para uma grata surpresa aos fãs do Lakers. Com isso, o Lakers passou a assumir a liderança da partida. O jogo, no entanto, era bastante equilibrado e o Jazz não deixaria barato a vida do Lakers, mesmo jogando fora de casa. Ainda se acertando na defesa, o Lakers permitia alguns pontos ao Jazz, que aproveitava para não deixar o Lakers escapar.

    O Lakers seguia com um jogo mais balanceado, recebendo inclusive uma certa ajuda de jogadores do banco de reservas, algo que praticamente não havia ocorrido até então na série. Se eles não faziam tantos pontos, na defesa ajudaram a conter um pouco o ataque do Jazz. Quando o jogo apertava, Bryant, Odom e Gasol mostravam o poder deste grande trio e correspondiam com pontos, contendo assim o bom ataque do Jazz, que era mais uma vez liderado por Deron Williams. Kobe Bryant, diferentemente dos últimos dois jogos, não se preocupava em arremessar tanto e era peça importante para facilitar o jogo para os outros jogadores.

    No terceiro período, porém, o Jazz resolveu entrar de vez para o jogo e complicou ainda mais a situação do Lakers, que nesse momento passou a depender um pouco mais de Bryant, que mostrando a importância de se ter o MVP no time, segurou a barra e ajudou a não deixar o Jazz tomar a dianteira do jogo por nenhum momento. Phil Jackson começou o último quarto apenas com Gasol dos titulares em quadra, mas, desta vez o time não se abalou e principalmente Jordan Farmar, que vinha fazendo uma série pifia, atuou bem e deixou Kobe, Odom e Fisher descansarem um pouco mais. Quando eles voltaram, Kobe jogou de forma muito inteligente. O astro não tentava arremessos, mas dava assistências e via Gasol e Odom atacando a cesta do Jazz. No final, um rebote ofensivo de Gasol, seguido de uma enterrada aniquilou as chances do Jazz na partida.

    Com a vitória, o Lakers abre três jogos a dois na série melhor de sete e tem a oportunidade de finalizá-la já na próxima sexta-feira, em Salt Lake City. O Jogo de hoje serviu, além da vitória, para dar moral a alguns jogadores, como Radmanovic, Farmar e para consolidar a espetacular fase de Lamar Odom e Pau Gasol, que junto com Bryant e o resto do time vão com tudo para cima do Jazz em busca da vaga na final.

    Fala aí!