Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Franklin Sampaio

    30 de Abril de 2010 postado por Franklin Sampaio

    4_chaves_para_encerrar_hoje Após um passeio em Los Angeles onde o Lakers finalmente jogou como uma equipe campeã da NBA, o time californiano quer agora arrumar uma forma de encerrar a primeira fase dos playoffs em Oklahoma, local onde o Lakers não venceu nessa série, para isso, precisará que alguns pontos sejam superados hoje a noite.

    1º - Saber gerir a torcida

    Mesmo após Phil Jackson dizer que o Lakers é capaz de jogar em qualquer local e contra qualquer torcida, isso não foi bem o que aconteceu quando a equipe californiana foi ao Ford Center em Oklahoma. Tendo participação em playoffs pela primeira vez na história, a torcida bateu o recorde de barulho em jogos da NBA.

    "Eles têm uma das melhores torcidas quando jogam em casa na liga." disse Bryant. "Vai ser duro."

    Há também um outro fator, que não se trata a baixa pontuação. É que o temperamento da equipe permanece equilibrado na maior parte através dos altos e baixos da temporada, Bryant argumenta que é o "tipo de atitude que você tem que ter."

    "Quando estamos em casa ou na estrada enfrentando atletas de elite, você tem que jogar o seu basquete, dar o seu melhor." disse Derek Fisher. "É uma questão de estar preparado para cada tipo de jogo, precisamos estar focados."

    2º - Ter um início arrasador

    Acabar com a alegria da torcida depende do que acontece na quadra. E não há melhor maneira de fazer isso do que definir o tom inicial.

    "Você apenas tem que controlar o jogo." disse Lamar Odom. "Nós controlamos o ritmo de jogo. Fazemos isso mantendo a pressão no ataque e na defesa, limitando nossos erros. Se pudermos fazer isso, tudo dará certo."

    3º - Transição ataque-defesa

    Este fator levou Bryant a comparar o Thunder como sendo um rato e o Lakers um elefante.

    É uma questão que tem sido comentada desde a primeira rodada da série contra o Thunder. Liderado por Russell Westbrook e toda a sua equipe velocista. O Lakers não conseguia voltar para a defesa e mesmo contando com a vantagem significativa na altura de Bynum e Gasol, a equipe no entanto é bem mais lenta se comparada ao Thunder. Em termos de atleticidade, o único capaz de ser equiparado a algum jogador adversário é Shannon Brown, por motivos já vistos durante a própria temporada.

    4º - Jogar nos seus pontos fortes

    Tem sido um longo tempo desde a vitória tão convicente do Lakers no jogo 5. O Lakers não havia vencido por dois dígitos desde o dia 1 de março contra o Indiana Pacers. Pau Gasol ficou orgulhoso com o trabalho da equipe após a última vitória.

    "Há algum tempo que tentávamos colocar esse esforço em quadra e jogar tão bem como esta noite." disse Gasol. "Tudo ao seu redor, ofensivamente, defensivamente, passando a bola, jogando da maneira que nos fez campeões do ano passado. Se conseguirmos manter a direção que estamos indo, vamos estar em boa forma."

    E é com essa ideia que o Lakers parte para Oklahoma City, em busca da 4ª vitória e de encerrar a série por lá. Calar a torcida não vai ser fácil, mas prefirimos que calem os jogadores adversários com o bom basquete apresentado.

    GO LAKERS GO!!!

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter