Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Franklin Sampaio

    11 de Maio de 2010 postado por Franklin Sampaio

    lakers_encerra_serie_contra_jazz Depois de uma vitória sofrida na última partida da série, onde o Lakers conseguiu abrir uma vantagem de 3 a 0, a equipe californiana continuou em Salt Lake City em busca de finalizar a série e ter mais tempo para descansar, assim como o Phoenix Suns que passou facilmente pelo San Antonio Spurs e já está na final da conferência.

    A partida começou com as duas equipes se estudando muito, vários arremessos e vários erros, Kobe Bryant foi o jogador a abrir o placar da partida e assim a partida começou finalmente a se movimentar em pontos. Deron Williams mostrava que não estava ligando muito para o que os jornais diziam e queria sim mostrar que havia esperança, se juntando a Paul Millsap. O Lakers no entanto não deixava por menos, Pau Gasol entrou ligadíssimo na partida e no primeiro quarto anotou seus 10 pontos, outro que aparecia bem era Kobe Bryant e mais tarde um pouco, Shannon Brown. Com uma bola no estouro do cronômetro de Brown, o Lakers venceu o primeiro quarto por 29 a 24.

    No segundo quarto o Lakers tratou de mostrar o basquete que vem se consolidando cada vez mais nos playoff's e não deixava o Jazz encostar na bola. Shannon Brown deu o seu cartaz de visita com uma linda enterrada, mostrando o que iria acontecer com a equipe da casa durante todo o segundo quarto. Com um basquete perfeito, Bynum muito bem na defesa, dando dois tocos seguidos e mostrando quem dominava o garrafão na defesa. No ataque, Shannon Brown, Lamar Odom e Kobe Bryant. O Jazz apenas cometia turnovers atrás de turnovers e não conseguia uma jogada por completo. A exatos 2 minutos para o fim do segundo quarto, a equipe da casa havia feito 10 pontos apenas, mas com um relaxamento natural do Lakers devido e entrada de alguns reservas, o Lakers foi para o intervalo vencendo por 58 a 41.

    Na volta do intervalo quem pareceu ter voltado a quadra foi apenas o Utah Jazz. Se o Lakers havia feito um segundo quarto quase que perfeito, dessa vez era a equipe da casa que não se dava por vencido e literalmente correu atrás do resultado. C.J. Miles era o jogador a ser marcado pelo Lakers. Após assistir Fisher sofrer um belo toco de C.J. Miles, Phil Jackson tratou de mostrar toda a sua experiência e pediu um tempo, isso fez com que o Lakers voltasse a partida e abrisse 13 pontos, indo para o último quarto com o placar de 80 a 67.

    O último quarto começou com a pressão da torcida e com a equipe de Utah em cima do Lakers a todo instante. Paul Millsap e C.J. Miles eram os jogadores que vinham dando trabalho, juntamente com Matthews. Se a vantagem chegou a estar em 18 pontos ainda nesse último quarto, dessa vez isso não iria continuar com a mesma vantagem e ela caiu rapidamente para 8 pontos. Phil Jackson mais uma vez tratou de pedir tempo e colocar sua equipe de volta ao jogo e dessa vez para não mais sair. Com uma atuação impecável de Pau Gasol e com o Lakers sabendo usar da experiência para enfrentar situações dicíceis na partida, o Lakers venceu e encerrou a série contra o Utah Jazz no placar de 111 a 96.

    O destaque da partida vai para Pau Gasol que terminou a partida com 33 pontos e 14 rebotes. Agora, o Lakers irá enfrentar o Phoenix Suns na próxima segunda-feira.

    GO LAKERS GO!!!

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter