Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Franklin Sampaio

    05 de Maio de 2010 postado por Franklin Sampaio

    lakers_vence_bem_e_abre_2_a_0 Depois de vencer a primeira partida da segunda fase dos playoffs contra o Utah Jazz no Staples Center, o Lakers continou em casa para dar início a segunda partida da série e sair de Los Angeles invicto até o momento nessa fase final.

    A partida começou com as duas equipes se estudando bastante, em três minutos de jogo o placar estava abaixo dos dígitos dúplos. Deron Williams era o jogador a ser marcado no início da partida, com bolas de três e uma boa distribuição das jogadas. Já o Lakers contava com mais uma excelente presença de Pau Gasol no garrafão tanto no ataque como na defesa, no perímetro quem decidiu tomar conta foi Ron Artest, mostrando toda a sua agressividade na defesa, ele também brilhou no ataque e já vinha com 10 pontos no primeiro quarto. Assim o Lakers venceu o quarto inicial por 27 a 23.

    Se o primeiro quarto teria sido bastante equilibrado, isso realmente não foi o que aconteceu no segundo quarto. O Lakers voltou ainda mais focado e deu um aperitivo do showtime que estava por vir. Tocos seguido sobre Carlos Boozer, fastbreaks seguidos, Ron Artest perfeito na defesa e o garrafão dominando nos dois lados. No entanto, Paul Millsap dava trabalho a equipe californiana e fazia com que o Jazz tentasse se manter no jogo. Mas o Lakers continuava bem e focado na defesa, assim as equipes foram para o intervalo com o placar de 58 a 46 para a equipe da casa.

    Na volta do intervalo, o Jazz foi em busca do mesmo jogo que havia feito também na volta do intervalo da partida de número 1, a diferença que chegou perto dos 20 pontos, dessa vez chegou a estar em 8 pontos apenas. Andrew Bynum que já vinha com um double-double e tendo igualado um recorde de Shaquille O'Neal com 13 rebotes no primeiro tempo, dessa vez ajudava o Lakers a pontuar. Carlos Boozer que vinha fazendo um bom segundo tempo, teve a quarta falta forçada por Pau Gasol e saiu de quadra, Deron Williams também vinha dando trabalho, mas o Lakers soube bem como cotornar a situação e ir para o último quarto com o placar de 87 a 77.

    O último quarto começou com tudo, só que para o Jazz. Focados em ter a partida a seu favor, a equipe de Salt Lake City mais uma vez mostrava que nos playoffs qualquer vantagem nem sempre garante a vitória. Se o Lakers entrou para o último quarto vencendo por 10 pontos, agora a vantagem chegou a estar em apenas 4. O Lakers no entanto começou a jogar como um time experiente, girava bem a bola e o que Lamar Odom teria se queixado sobre a falta de coletividade no fim, dessa vez foi superada. Todos atacavam e todos defendiam. Com uma enterrada de Ron Artest a alguns segundos do fim, o Lakers sacramentou a vitória e abriu 2 a 0 na série com o placar de 111 a 103.

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter