Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    15 de Dezembro de 2014 por Renato Campos

    E foi tudo dentro do melhor script que um torcedor do Lakers podia imaginar. O Lakers foi a Minneapolis, onde começou toda a sua história, venceu o Wolves e Kobe se tornou o terceiro maior pontuador da história da NBA. 

    O jogo ficou em segundo plano

    E foi na marca de 5:44 minutos do segundo período que o auge da partida aconteceu. Na linha de lance livre, como seu primeiro ponto na carreira, Kobe ultrapassou Michael Jordan para delírio da torcida local. Vestidos com a camisa amarela de número 24, torcedores aplaudiam de pé o grande feito do Black Mamba enquanto o jogo era parado pelos árbritos em uma bela homenagem. Jogadores o aplaudiram e Kobe saiu agradecido com a bola debaixo do braço. Kobe fez novamente história. O jogador foi o cestinha do time com 26 pontos e ainda deu 6 assistências.

    Carlos Boozer mostrando serviço

    Após o grande feito, ainda tinha muita partida pela frente. E quem fez uma excelente partida foi Carlos Boozer. A atuação do jogador lembrou os bons tempos de quando jogava em Chicago. Boozer liderou o banco com 22 pontos e 13 rebotes (seis ofensivos) com um belo aproveitamento de 10-14.

    Comendo pelas beiradas

    Ao contrário da vontade de Magic Johnson, o Lakers chega agora a sua terceira vitória seguida. O time mostra leve evolução e entrosamento com a nova formação. Sem tempo para comemorações, o Lakers já enfrenta hoje o Pacers em Indiana.

    Atuações:

    DAVIS: 6 pontos, 4 rebotes, 3 assistências (3-6 FG);
    HILL: 13 pontos e 3 rebotes (5-10 FG);
    JOHNSON: 12 pontos, 2 rebotes, 6 assistências e 3 tocos (3-7 FG);
    BRYANT: 26 pontos, 6 rebotes e 2 assistências (7-20 FG);
    PRICE: 2 pontos, 3 rebotes, 2 assistências e 4 roubadas (0-3 FG);

    BOOZER: 22 pontos, 13 rebotes e 2 assistências (10-14 FG);
    YOUNG: 7 pontos e 2 roubadas (2-9 FG);
    SACRE: 4 pontos e 5 rebotes; (2-3 FG);
    LIN: 8 pontos, 3 rebotes, 6 assistências e 2 roubadas (2-5 FG);
    ELLINGTON: 0 pontos e 5 rebotes (0-4 FG)

    Melhores Momentos:

    Fala aí!