Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Rennan Vieira

    28 de Setembro de 2018 por Rennan Vieira

    Durante sua entrevista coletiva em julho no centro de treinamentos do Lakers, Rob Pelinka disse que irão ocorrer diversas batalhas por titularidade na pré-temporada, principalmente no training camp, deixando claro que o único com titularidade garantida se chama LeBron James:

    “Nós sentimos que vamos ter um training camp bem aberto em termos de competição para descobrir quais são os 5 melhores para vencer, ir longe nos playoffs e dar a nós mesmos a melhor chance de ganhar o campeonato. Obviamente LeBron James vai ser o titular e as outras quatro posições vão ser decididas durante o training camp... nós vamos jogar de uma maneira rápida... você pode imaginar formações em quadra onde todos vão ter 2,01m, 2,03 ou acima disso. Brandon Ingram, LeBron James são jogadores sem posição definida... é animador pensar sobre tamanho, velocidade e a maneira que iremos jogar“ - Rob Pelinka.

    O primeiro jogo da pré-temporada vai acontecer no dia 30/09 contra o Denver Nuggets, porém, o training camp começou dia 25/09 e com isso vão ocorrer as batalhas pela titularidade. Em seguida, iremos abordar as principais.

    LONZO BALL X RAJON RONDO


    Lonzo Ball vem de uma temporada de calouro bem controversa. Foi um exímio defensor, sendo o 3º entre os armadores de toda a NBA em Defensive Real Plus-Minus. Teve 2.1 roubos de bola e 0.8 toco. 8º da NBA em assistências com 7.2 por jogo. Em contrapartida, teve problemas como pontuador, com aproveitamento de apenas 36.0% em arremessos de quadra, 30.5% em arremessos de 3 pontos e 45.1% em lances livres.

    Durante sua passagem por UCLA foi um arremessador notável, com aproveitamento de 55.1% em arremessos de quadra, 41.2% em arremessos de 3 pontos e 67.3% em lances-livres. Entre 11/11 à 05/03, fez 29 jogos com um aproveitamento de 38.2% em arremessos de 3 pontos. Entre 28/10 à 07/03, fez 37 jogos com 35.1% em arremessos de 3 pontos. Com o objetivo de ficar saudável, recentemente fez uma artroscopia no joelho, mais especificamente no menisco. Apareceu em treinamentos recentes fazendo alguns ajustes pra melhorar sua mecânica de arremesso.

    Rajon Rondo é um veterano com experiência de 12 temporadas. Liderou a NBA em assistências por 3 temporadas e foi o 4º na última com 8.2 por jogo. Não tem o mesmo nível defensivo de outras temporadas, apesar de ainda ser eficiente, sendo o 45º entre 99 armadores em Defensive Real Plus-Minus. Teve aproveitamento de 46.8% nos arremessos de quadra, 33.3% em arremessos de 3 pontos e 54.3% em lances-livres.

    A sua experiência pode fazer a diferença e sempre foi um jogador que cresceu em momentos decisivos, teve médias de 12.2 assistências e 42.1% em arremessos de 3 pontos na última pós-temporada, incluindo partidas memoráveis onde saiu com 17 assistências (vitória do Pelicans no jogo 1 contra o Trail Blazers) e 21 assistências (vitória do Pelicans no jogo 3 contra o Warriors).

    KENTAVIOUS CALDWELL-POPE X JOSH HART


    Kentavious Caldwell-Pope foi contratado na Free Agency de 2017 depois de recusar uma oferta de $80 milhões por 5 anos do Detroit Pistons. Ainda visto como uma manobra para contratar LeBron James, ambos tem o mesmo empresário, foi o 38º entre 106 Ala-armadores em Defensive Real Plus-Minus. Teve aproveitamento de 42.6% em arremessos de quadra, 38.3% em arremessos de 3 pontos e 78.9% em lances-livres.

    Mesmo com problemas judiciais que prejudicaram uma parte da sua última temporada, Caldwell-Pope fez a melhor temporada de sua carreira em termos de eficiência pelo Lakers. Em 44 partidas entre janeiro e abril, teve aproveitamento de 42.5% em arremessos de 3 pontos com 5.3 bolas atiradas por jogo.

    Resultado de imagem para josh hart training camp

    Josh Hart foi a 30ª escolha do draft de 2018, a última da primeira rodada. Campeão e destaque da NCAA, levou o prêmio Julius Erving de melhor Ala universitário. Foi o 67º entre 106 Ala-armadores em Defensive Real Plus-Minus como calouro e teve aproveitamento de 46.9% em arremessos de quadra, 39.6% em arremessos de 3 pontos e 70.2% em lances livres.

    Inicialmente enviado pra G-League, Hart só veio ter minutos consideráveis no decorrer da temporada. Em 34 partidas entre o final de dezembro até o final da sua temporada, Hart teve aproveitamento de 49.6% em arremessos de quadra e 41.7% em arremessos de 3 pontos com 4.2 bolas atiradas por jogo. Depois do Jogo das Estrelas, teve médias de 15.3 pontos, 6.8 rebotes e 2.0 assistências.

    Durante a Summer League de 2018, foi nomeado como MVP do torneio com médias de 24.2 pontos e 5.2 rebotes com direito a uma atuação de 37 pontos na semi-final contra o Cleveland Cavaliers.

    JAVALE MCGEE X IVICA ZUBAC X MORITZ WAGNER


     Mais do que um MVP do Shaqtin' a Fool, JaVale McGee contribuiu efetivamente nos últimos 2 títulos do Golden State Warriors. Em 2017-2018, mostrou ser um bom protetor de aro com 0.9 toco em apenas 9.5 minutos por jogo e fez uma das melhores temporadas de sua carreira em termos de eficiência. Com aproveitameto de 62.1% em arremessos de quadra e 73.1% em lances-livres, McGee é um ótimo jogador recebendo a bola e finalizando depois de fazer o corta-luz, tudo isso somado ao seu atletismo pra correr em transição e atacar o garrafão. Em 4 partidas que atuou nas finais contra o Cleveland Cavaliers, McGee teve médias de 8.0 pontos, 1.3 tocos com 80.0% em aproveitamento nos arremessos de quadra.

    Um dos receios é quanto sua saúde, McGee só atuou em 199 jogos de 328 possíveis nas últimas 4 temporadas e teve média de apenas 9.9 minutos por jogo.

    Resultado de imagem para ivica zubac training camp

    Ivica Zubac é apenas um dos dois jogadores da gestão anterior de Mitch Kupchak que continuaram no Lakers. O outro? Brandon Ingram. Depois de uma temporada de calouro animadora, Zubac decepcionou como segundo-anista, algo que foi demonstrado desde suas atuações na Summer League.

    Apesar de alguns problemas, Zubac cresceu ao longo da última temporada. Depois do Jogo das Estrelas teve médias de 4.8 pontos, 3.8 rebotes e aumentou sua eficiência nos dois lados da quadra, além de ter partidas de destaque como seu duplo-duplo de 19 pontos e 11 rebotes contra o Minnesota Timberwolves. Tem remodelado seu corpo e recentemente disse em suas redes sociais que perdeu 9,0 kg. Ganhou um voto de confiança da diretoria e recentemente disputou a classificatória pra Copa do Mundo de Basquete, sendo um dos destaques da Croácia com médias de 12.2 pontos, 4.8 rebotes, 1.8 tocos com aproveitamento de 66.7% em arremessos de quadra e 94.4% em lances-livres.

    Resultado de imagem para mo wagner training camp

    E correndo por fora nessa briga está Moritz Wagner. O calouro vindo da universidade de Michigan teve médias de 14.6 pontos, 7.1 rebotes, 0.8 assistência, 1.0 roubo de bola e 0.5 toco com 52.8% de aproveitamento nos arremessos de quadra e 39.4% em arremessos de 3 pontos. Apesar de seu baixo aproveitamento nos arremessos de quadra e uma indesejável lesão no joelho durante a Summer League, mostrou versatilidade como finalizador e também como defensor com médias de 2.0 roubos de bola e 1.7 tocos.

    Inicialmente deve frequentar a G-League pra ganhar mais tempo de quadra e físico enquanto se adapta ao jogo da NBA, mas não fiquem surpresos se Wagner conseguir cavar minutos consideráveis no decorrer da temporada ou até mesmo a titularidade.

    EXPECTATIVA

    As notícias mais recentes dadas pelo Pelinka e confirmadas pelo próprio Lonzo são que o jogador está 100% recuperado de sua cirurgia, porém ainda não vai estar apto pra treinos 5x5 nessa semana, apenas 1x1, então pelo menos no início da pré-temporada provavelmente veremos Rondo como titular. Talvez seja mais por precaução, porém é algo pra ficarmos de olho no decorrer dessa pré-temporada.

    Além dessas disputas por titularidade, teremos outros jogadores brigando por minutos vindos do banco, liderados pelo Kyle Kuzma. Entre alguns estão veteranos como Michael Beasley e Lance Stephenson, esse último que deve ter competição acirrada com o calouro Svi Mykhailiuk que jogou muito bem a Summer League e vem sendo bastante elogiado pela comissão técnica. Independente de quem jogar, é esperado que Luke Walton coloque o melhor time disponível em quadra de acordo com os treinamentos, então essas próximas semanas vão ser importante para todos os jogadores.

    Fala aí!