Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Ricardo Romanelli

    25 de Novembro de 2018 por Ricardo Romanelli

    Repetindo erros e oscilando demais durante a partida, o Lakers mais uma vez foi derrotado pelo Orlando Magic, desta vez em seu próprio ginásio, após ter perdido o primeiro confronto em Orlando, oito dias atrás.

    O Lakers começou a partida muito bem. Em apenas três minutos, a vantagem já era de oito pontos. O grande destaque foi Kyle Kuzma, que anotou 10 dos primeiros 14 pontos do time na partida. JaVale McGee e Lonzo Ball estavam muito ativos na defesa e agressivos no ataque. No primeiro tempo, o pivô distribuiu impressionantes 6 tocos, enquanto que o armador colecionou 8 rebotes. 

    Com más atuações do banco de reservas e o Orlando Magic numa crescente com boas atuações do trio Nikola Vucevic, D.J Augustin e Terrence Ross (todos acabariam o primeiro tempo com dois dígitos na pontuação), o Magic enconstou no placar e chegou a ter sua primeira liderança do jogo na penúltima bola da primeira metade da partida. Apesar disso, LeBron James retomou a vantagem com uma bola de três pontos espetacular no estouro do cronômetro, e o Lakers foi para o intervalo vencendo por 52 x 51. 

    Voltando do intervalo, o Lakers não conseguiu segurar o ímpeto ofensivo do Magic e ao mesmo tempo não encaixou o ataque. Brandon Ingram fazia péssima partida ofensiva, o que tirou dinamismo do time, dependente de Kuzma e LeBron na pontuação. Na metade do período, o Magic já liderava por 12 pontos, com cinco enterradas seguidas, o que evidenciava a falta de defesa do Lakers. Durante esta sequência, Luke Walton optou por uma formação mais baixa, sem JaVale McGee ou Tyson Chandler em quadra. Com o garrafão desguarnecido, o Magic fez a festa. 

    Mesmo com duas bolas de três seguidas de Lance Stephenson, o Lakers seguiu sem conseguir segurar o Magic e com ataque apático. Com isso, terminou o período perdendo por 15 pontos, pelo placar de 86 x 71. Neste período, o Magic conseguiu 20 pontos no garrafão, contra apenas 4 do Lakers. No total, 35 pontos da equipe de Orlando contra apenas 19 do Lakers no período. 

    No quarto período, com melhor defesa, Brandon Ingram chamou a responsabilidade com LeBron James no banco e converteu cestas difíceis, diminuindo a diferença para apenas cinco pontos na marca dos 7 minutos, quando LeBron voltou para a partida. Com excelentes atuações de Ingram, LeBron e Kentavious Caldwell-Pope, que assim como Ingram estava mal no jogo até então, o Lakers conseguiu empatar o jogo a 2:24 do final da partida.

    A defesa voltou a atuar bem nos minutos finais, que foram de muita tensão. Depois de quase dois minutos sem cestas em ambos os lados, o Magic anotou dois pontos com poucos mais de 30 segundos no relógio. Do outro lado, o Lakers errou um arremesso de três de KCP, forçado após infiltração de LeBron. No contra-ataque, o Magic anotou mais dois e abriu quatro pontos de vantagem com apenas 10 segundos por jogar, dando números finais à partida. O Lakers ainda tentaria mais uma bola de três pontos com Kyle Kuzma, mas sem sucesso, confirmando a derrota pelo placar de 108 x 104.

    Para tentar se recuperar da derrota, o Lakers viaja até Denver na próxima terça-feira, onde enfrenta o Nuggets, adversário direto na briga pela classificação para os playoffs na conferência Oeste.

    Melhores momentos

    Fala aí!