Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Lucas Fuson

    03 de Janeiro de 2019 por Lucas Fuson

    O Lakers entrou em quadra pela primeira vez em 2019 desarmado. Sem LeBron e Rondo sabia que precisava de muito esforço para vencer a boa equipe de Oklahoma.

    O jogo nem havia começado mas a torcida já deixou o clima quente. Quando Paul George foi apresentado, o que se ouviu foram vaias. O problema é que isso serviu de combustível para o camisa 13 do Thunder, que terminou a partida anotando 37 pontos.

    O jogo começou equilibrado e logo nos primeiros minutos JaVale McGee deu um toco espetacular em Grant, mostrando que o caminho deles pra cesta não seria fácil. Na primeira metade do jogo a liderança do placar ficou alternando entre os times e o Thunder foi para o intervalo com 2 apenas na frente.

    Na volta do vestiário o Lakers reagiu, mas não o suficiente. Quando o último quarto começou o time da casa tinha 4 pontos de vantagem e sem Kuzma, que saiu com dores nas costas, ficou ainda mais complicada a situação. A dois minutos do fim, o Thunder aplicou uma corrida no ataque, impulsionada por George, abrindo 10 pontos de vantagem faltando menos de um minuto. Aí já era tarde pra qualquer esforço do Lakers, que terminou a partida derrotado por 107 a 100.

    Russell Westbrook marcou o 115° triplo-duplo da carreira, mesmo tendo uma atuação vergonhosa nos arremessos, acertando apenas 3 de 20 tentados.

    Pelo Lakers o cestinha mais uma vez foi Caldwell-Pope, com 25 pontos. Outro destaque foi Josh Hart, que terminou a partida com 13 pontos e 15 rebotes.

    Com essa derrota o Lakers cai para a oitava colocação no oeste. Será que esses resultados vão ser um incentivo para alguma grande troca em Los Angeles? Deixe sua opinião.



    Fala aí!