Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Ricardo Romanelli

    30 de Janeiro de 2019 por Ricardo Romanelli

    O armador Lonzo Ball e o ala Kyle Kuzma foram selecionados para o Rising Stars Challenge, partida disputada durante o fim de semana do All-Star. O jogo, que é disputado entre seleções compostas por calouros e segundo-anistas, segue com o formado dos últimos cinco anos, onde uma seleção dos EUA enfrenta um compilado dos melhores calouros e segundo-anistas estrangeiros da NBA.

    Ambos já foram selecionados para a partida no ano passado, como calouros, ocasião em que Brandon Ingram também fez parte do time EUA como segundo-anista. Curiosamente, Lonzo Ball não jogou a partida de 2018 por estar com uma lesão no joelho, e também deve ficar de fora da disputa neste ano por estar se recuperando de torção no tornozelo.

    No ano passado, Bogdan Bogadnovic foi o MVP da partida, vencida pelo Time Mundo por 155 x 124. Ele participa novamente da disputa deste ano. O Time Mundo possui retrospecto de 3 vitórias e 1 derrota desde a adoção do atual formato. Antigamente, a partida era disputada entre seleções compostas apenas de calouros contra times apenas de segundo-anistas.

    Confira abaixo os times que foram selecionados para a partida, que acontece na sexta-feira do fim de semana do All-Star:

    Time EUA: Jarrett Allen (Nets), Marvin Bagley III (Kings), Lonzo Ball (Lakers), John Collins (Hawks), De'Aaron Fox (Kings), Jaren Jackson Jr.  (Grizzlies), Kyle Kuzma (Lakers), Donovan Mitchell (Jazz), Jayson Tatum (Celtics), Trae Young (Hawks)

    Time Mundo: OG Anunoby (Raptors), Deandre Ayton (Suns), Bogdan Bogdanovic (Kings), Luka Doncic (Mavericks), Shai Gilgeous-Alexander (Clippers), Rodions Kurucs  (Nets), Lauri Markkanen (Bulls), Josh Okogie      (Timberwolves), Cedi Osman (Cavaliers), Ben Simmons             (76ers)

    Fala aí!