Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Rodrigo Medeiros

    13 de Fevereiro de 2019 por Rodrigo Medeiros

    Com uma fraca atuação defensiva (mais uma) e um quarto período ridículo, a equipe do técnico Luke Walton perdeu para um dos piores times da liga, ficando assim, cada vez mais difícil conseguir uma vaga nos playoffs.

    Nem mesmo o triplo-duplo do astro LeBron James foi o suficiente para evitar mais um vexame do time Angelino. De positivo da turnê na Costa Leste, apenas a vitória sobre o rival Boston Celtics.

    Porém com a vexatória derrota para o Indiana Pacers, uma derrota por 20 pontos para o Philadelphia 76ers e uma fraquíssima atuação diante do Atlanta Hawks, a equipe volta com a moral ainda mais em baixa para seguir na briga por uma vaga na pós temporada.

    O primeiro quarto foi equilibrado e o time da casa terminou na frente, com uma vantagem de seis pontos, vencendo por 38x32. Destaque para as 10 bolas de 3 pontos do Hawks. A defesa foi inexistente.

    O Lakers reagiu no segundo quarto e venceu por 37 x 27, chegando a liderança do placar em 69 x 65. Apesar da melhora ofensiva, a defesa do time continuava mal. Destaque para Brandon Ingram, que anotou 16 pontos e 5 rebotes e LeBron James, com 13 pontos, 5 rebotes e 10 assistências nos dois primeiros quartos.

    Após a volta do intervalo o time Angelino oscilou muito e permitiu que o time da casa ficasse a frente do placar. O Atlanta Hawks anotou 35 pontos e chegou aos 100 na partida enquanto que o Los Angeles Lakers chegou aos 95, ficando 5 pontos atrás.

    O quarto período foi mais uma pelada estilo solteiros e casados do que um jogo de NBA. Os dois times erraram muito, bandejas e arremessos ridículos. Para infelicidade do time Roxo e Dourado, quem errou menos foi o Hawks, que saiu com a vitória por 117x113.

    O time de Atlanta teve um aproveitamento de 80,8% nos lances livres enquanto que o time da Califórnia acertou apenas 68% dos lances livre, um fator que fez a diferença para a vitória do time mandante.

    O trabalho da comissão técnica tem sido péssimo e pelo jeito não haverá mudanças até o final da temporada. A ida aos playoffs está cada vez mais distante. A falta de evolução da equipe é gritante, não há melhoras em lances livres nem chutes de três pontos, faltam jogadas ofensivas trabalhadas e simplesmente não há defesa.

    A dupla Magic/Pelinka terá que trabalhar muito ao final da temporada.

    Fala aí!