Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Ricardo Romanelli

    30 de Maio de 2019 por Ricardo Romanelli

    O ala Kyle Kuzma impressionou a todos em suas duas primeiras temporadas por sua capacidade de pontuação e personalidade em quadra, muitas vezes chamando a responsabilidade e querendo decidir partidas. Tendo já estabelecido uma relação com Kobe Bryant em seu primeiro ano na liga, Kuzma agora pediu ajuda a outro Laker histórico para evoluir na parte mais deficiente de seu jogo. 

    O jovem entrou em contato com Metta World Peace (ex-Ron Artest), um dos maiores defensores da história da NBA, e pediu ajuda para melhorar neste departamento. O fato foi divulgado pelo próprio Peace, em entrevista para a ESPN Los Angeles:

    "@kylekuzma me ligou sobre treinar defesa neste verão. Fiquei muito orgulhoso dele, pois ele não é um defensor de elite, mas quando você liga para Metta World Peace você me mostra que realmente quer ser um bom defensor." @MettaWorldPeace.

    Peace foi eleito o Defensive Player of the Year da NBA em 2004, além de ter entrado quatro vezes para os times ideais de defesa da liga (2003, 2004, 2006 e 2009). Ele também foi All-Star em 2004, e chegou ao Lakers em 2009, onde foi peça central do título de 2010, conquistado sobre o Boston Celtics. Ele colaborou não apenas com sua defesa,sempre de elite, como também converteu o arremesso decisivo no jogo 7 da Final. 

    Extremamente carismático, Peace conquistou o coração de torcedores do Lakers por seu estilo de jogo intenso e dedicado, além de extrema lealdade a seus companheiros de time. Ele era muito próximo de Kobe Bryant, com quem mantinha amizade antes mesmo de jogar no Lakers, e protagonizou alguns duelos muito interessantes de ataque X defesa contra o astro do Lakers ao longo dos anos. 

    O atleta teve duas passagens pelo Lakers, entre 2009 e 2013 e depois entre 2015 e 2017, quando se aposentou ao final da temporada. Atualmente, Peace se mantém ativo jogando na BIG3, liga de basquete 3x3 do rapper Ice Cube, que conta com vários ex-jogadores da NBA como protagonistas. 

    Fala aí!