Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Ricardo Romanelli

    14 de Fevereiro de 2020 por Ricardo Romanelli

    O final de semana das estrelas chegou, e com isso os times tiram uma folga da temporada regular. Isto não quer dizer, entretanto, que os fãs vão ficar sem basquete. Durante os três dias do evento, a programação é extensa para criar um verdadeiro show, que neste ano tem motivos mais do que especiais para que o torcedor do Lakers preste atenção.

    Homenagens a Kobe e Gianna Bryant

    Resultado de imagem para all-star game kobe patches

    A liga decidiu homenagear Kobe Bryant, sua filha Gianna e todos os mortos no acidente de helicóptero ocorrido no mês passado de várias formas. Primeiramente, todos os jogadores terão um patch em suas camisas com 9 estrelas, simbolizando o total de vítimas, além dos números "2" e "24", que eram os números das camisas de Kobe e Gianna. Além disso, todos os atletas do time capitaneado por LeBron James vão usar o número 2 em suas camisas, enquanto que todos do time de Giannis Antetokounmpo vão usar o número 24. LeBron disse que escolheu a camisa 2 em homenagem a Gianna porque lhe faz lembrar de sua própria filha, Zhuri. 

    O próprio formato do jogo também terá um tributo a Kobe. O último período não será cronometrado, e ganha quem conseguir atingir um número mágico de pontos primeiro. Qual seria este número? 24, é claro. Vai funcionar assim: ao final do terceiro período, o time que estiver na frente vai ter que anotar 24 pontos a mais para vencer, e o time que estiver atrás no placar vai ter que anotar 24 pontos + a diferença. 

    Coloquemos num exemplo. Digamos que o placar esteja Time LeBron 100 x Time Giannis 95. O time de LeBron teria que chegar a 124 pontos para que o jogo acabe (100 + 24), enquanto que o time de Giannis precisaria anotar os mesmos 124, mas tirando a diferença que existia antes (95 + 24 + 5). Parece um pouco confuso, mas na prática saberemos ao vivo quantos pontos faltam para cada time vencer, e o interessante é que este formato garante que o jogo vai acabar com uma cesta que vai definir a partida, uma legítima game winner. Existe tributo melhor para Kobe, que nos brindou com tantas durante sua carreira?

    Torneio de enterradas: o retorno do Superman

    Resultado de imagem para dwight howard dunk contest

    Uma das estórias mais legais da NBA neste ano para os torcedores do Lakers é a volta por cima de Dwight Howard. O pivô faz grande temporada de recuperação após estar praticamente fora da liga. Howard já competiu diversas vezes no torneio de enterradas, marcando época nos concursos no final dos anos 2000, tendo vencido em 2008. Agora, ele retorna aos 34 anos, tentando se sagrar campeão mais uma vez. O momento não é de todo feliz, pois Kobe Bryant teria topado ajudar Howard durante suas enterradas de forma a enterrar de vez qualquer rusga entre eles que pudesse permanecer. Infelizmente, Kobe não estará lá para participar, mas a melhor maneira que Howard pode homenagear o ídolo do Lakers é fazer uma boa exibição e vencer a competição. O torneio de enterradas acontece no sábado à noite, e é a atração principal deste dia que também conta com concursos de habilidades e arremessos de três pontos. Os eventos serão transmitidos por ESPN e SporTV (online) a partir das 22h. 

    All-Star Game: três Lakers no jogo

    Resultado de imagem para lebron james anthony davis frank vogel

    Por fim, a grande atração do final de semana. Time LeBron e Time Giannis se encontram no domingo à noite para ver quem é o melhor. O jogo começa às 22h, e também será transmitido pela ESPN e online pelo SporTV. O Lakers tem LeBron James (capitão), Anthony Davis e o técnico Frank Vogel repetindo a trinca de sucesso na temporada a favor do Time LeBron. O Lakers não tinha dois jogadores e um técnico na partida desde 2009, quando Kobe Bryant, Pau Gasol e Phil Jackson atuaram em favor da seleção do Oeste. Como já explicado, o jogo terá um formato especial para homenagear Kobe, e é de se esperar que os representantes do Lakers tenham isso como motivação a mais para vencer este aguardado confronto. 

    Fala aí!