Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Sérgio Segundo

    06 de Agosto de 2020 por Sérgio Segundo

    Na primeira partida após garantir a liderança da conferência Oeste, era esperado que o Los Angeles Lakers diminuísse a intensidade de jogo e começasse a utilizar mais as suas peças de reposição, visando, além de um melhor preparo para os playoffs, exigir menos de seus astros Anthony Davis e LeBron James. Em parte, foi isso que aconteceu essa noite, quando o time foi derrotado para o Oklahoma City Thunder pelo placar de 105 a 86 em Orlando.

    Durante o início do duelo, ambos os times pareciam ter ativado uma "marcha lenta", errando bastantes arremessos em um equilíbrio morno. Não demorou muito para, ainda no primeiro período, o Thunder abrir uma margem considerável de liderança, que seria mantida por todo o restante do tempo. Com pequeno aproveitamento no perímetro e deixando o rival entrar com liberdade em seu garrafão defensivo, a franquia de Los Angeles chegou a esboçar uma reação no segundo quarto, mas foi para o intervalo com 7 pontos de desvantagem.

    Na volta para a segunda metade, com a equipe de Chris Paul investido muito no jogo coletivo - sendo que todos do quinteto titular terminaram o confronto com pelo menos 10 pontos anotados, coube ao time de Los Angeles dar mais tempo aos seus mais recentes jogadores, bem como àqueles que costumam possuir menos oportunidades. Dion Waiters teve mais de 25 minutos de quadrae e conseguiu alcançar 14 pontos na partida, sendo que mesmo com desempenho nulo nas bolas de três pontos, conseguiu demonstrar que foi uma boa aquisição da franquia. Por outro lado, JR Smith não encantou e terminou zerado em todos os quesitos, com excessão de 1 rebote que conseguiu. Além de Waiters, somente outros dois jogadores da equipe conseguiram marcar ao menos 10 pontos na partida: Kyle Kuzma e LeBron James (que conquistou mais um duplo-duplo, com 19 pontos e 11 rebotes). Davis, mais apagado, ficou próximo de atingir o duplo-duplo como LeBron, conseguindo 9 pontos e 8 rebotes. O baixo aproveitamento nos arremessos de quadra, porém, não colaborou para o mesmo alcançar a marca.

    Contando com a grande atuação do pivô Steve Adams, que pontuou bem e criou boas oportunidades de pick-and-roll com o velho conhecido Chris Paul, o Thunder garantiu o triunfo com 19 pontos de vantagem. É válido citar o desempenho de Danilo Gallinari, que converteu dois arremessos de três pontos e anotou 19 pontos em suas estatísticas. Logo mais, o Lakers volta à quadra em Orlando para enfrentar o Houston Rockets do "Barba" James Harden, enquanto a equipe de Oklahoma, querendo melhorar sua colocação, duela somente na sexta-feira contra o Memphis Grizzlies, que busca a todo custo alcançar pelo menos a última vaga no mata-mata.

    Screenshota

    Screenshot

    Screenshots

    Fala aí!