Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    09 de Novembro de 2020 por Renato Campos

    O Lakers está em uma posição confortável para seguir em frente.

    O time acabou de garantir um campeonato que levou ao empate com o Boston Celtics resultando nas duas maiores franquias em títulos da NBA. Eles têm LeBron James e Anthony Davis no elenco, uma comissão técnica que provou seu valor na temporada passada, um grande gerente geral em Rob Pelinka e a primeira proprietária feminina em esportes profissionais a ganhar um título importante em Jeanie Buss.

    Ao todo, as coisas estão melhorando para o Lakers depois de um ano que foi sem dúvida o pior da história da franquia devido à trágica perda de Kobe Bryant, Gianna Bryant e o número de pessoas que foram perdidas neste ano devido a pandemia do coronavirus.

    Então, o que o Lakers pode fazer para melhorar um time que já é campeão?

    Embora nomes como Alex Caruso e 'Playoff Rondo' possam suprir uma necessidade que facilitem de certa forma a vida de LeBron e Anthony Davis, a necessidade por um terceiro grande nome ainda persiste.

    Se Caruso continuar a evoluir, ele poderia preencher esse espaço que o Lakers precisa. Mas ainda é cedo para entender qual o teto do jogador.

    Se Rondo assinar novamente com o Lakers e decidir ser o Rondo dos playoffs durante toda a temporada, então isso certamente preencherá o buraco que o Lakers precisa.

    Mas nas duas frases acima, ainda existem muitos "se" a serem desvendados.

    Com um elenco campeão e com a janela de LeBron fechando nas próximas temporadas, você não deixa as coisas ao acaso.

    Você atende às necessidades, mantém o elenco forte e busca o título mais uma vez.

    E é aqui que entra o nome de Derrick Rose.

    NBA: Porque o Warriors não tem chances contra o Lakers de LeBron e Davis

    Cenário de troca por Derrick Rose

    Lakers recebe: Derrick Rose

    Pistons recebe: Kyle Kuzma e JaVale McGee

    Dois dos melhores de Michigan, retornam a Motor City.

    Um cenário de comércio perfeito para ambos os lados.

    O Lakers consegue um contrato que está expirando e uma 3ª estrela em potencial em Derrick Rose, que permite ao Lakers ser ainda mais competitivo na próxima temporada e ainda não se excluir da briga por Giannis Antetokounmpo no próximo ano.

    O Detroit Pistons recebe dois filhos nativos. Um que tem potencial para ser uma futura estrela em Kuzma e outro que resolve o buraco do Pistons na posição de pivô por menos de US $ 5 milhões por temporada.

    McGee teria que optar por sua opção de jogador na próxima temporada para que essa troca acontecesse.

    Outro benefício para o Detroit Pistons é que eles teriam controle sobre se Kuzma iria embora quando chegasse a hora de ele ser um agente livre restrito, algo que Derrick Rose não é.

    O Lakers também manteria sua escolha da primeira rodada neste ano, que poderá ser usada em outras negociações para fortalecer o time ou mesmo apenas para convocar um jovem candidato que eles acreditam que pode ser impactante no futuro.

    Outra grande vitória para o Lakers é que eles não entregam Alex Caruso ou Talen Horton-Tucker, que na maioria das negociações foram considerados peças-chave para fechar um negócio.

    Kuzma como uma perspectiva, deve ser o suficiente para levar Rose ao Lakers e seria muito fácil para os Pistons negociarem os dois jogadores futuramente.

    A esquema de ataque entre Kyle Kuzma e Blake Griffin soa como uma combinação interessante.

    Então, por que o Lakers faria uma jogada por Derrick Rose e como ele ajudaria o Lakers?

    Aqui estão 3 razões.

    NBA: Lakers pode negociar sua escolha do draft por especialista de 3 pontos

    Ataque a cesta

    O Lakers foi uma grande equipe em muitos aspectos na última temporada.

    Eles foram bons defensivamente, especialmente nos playoffs, eles tiveram dois pontuadores 25 pontos por jogo em Anthony Davis e LeBron James. Eles tinham o líder de assistência com LeBron James tiveram um ótitmo rendimento em rebotes e tocos durante a temporada.

    Uma área em que o Lakers terminou em último lugar na liga foi nos lances diretos para a cesta.

    De acordo com o NBA.com, o Utah Jazz lidera a liga em lances para a cesta com 57,4. Isso contrasta fortemente com o anêmico 36,6 apresentado pelo Los Angeles Lakers.

    O trabalho de qualquer equipe e especialmente de qualquer equipe campeã é apontar os pontos fracos que você possui, encontrar soluções para os problemas e executar essas soluções.

    A solução para este problema. Derrick Rose.

    NBA: datas definidas para draft, agência livre e início da temporada 2020-21

    Derrick Rose foi 8º na liga em arremessos para a cesta com 17,6. Isso equivaleria a quase metade de todas as tentativas do Lakers na última temporada.

    Atacar o aro e ter um jogador capaz de marcar muda drasticamente a perspectiva da defesa adversária.

    Com jogadores como LeBron James (22º na liga em lances para a cesta) e Derrick Rose (8º) e com ambos igualmente capazes de marcar dentro ou ao redor do aro, isso força a defesa a colapsar sobre si mesma para limitar o driver para a cesta de pontuação.

    Se você tiver um bom protetor de aro, as equipes podem ceder e confiar no grande homem para fazer o que deve ser feito, mas quando é um superstar como LeBron James ou um mago em torno do aro como Derrick Rose, as defesas entrarão em colapso e é quando os caras do perímetro ganham seu momento.

    LeBron ou Rose poderiam distribuir ao homem aberto em torno da linha de 3 pontos e dar a eles tiros abertos.

    3 jogos do Lakers que você não pode perder na próxima temporada da NBA

    Um grande adicional como terceiro pontuador

    Mais uma vez, olhando para suas fraquezas e procurando resolvê-las

    Enquanto o Lakers teve Anthony Davis e LeBron James terminando em 12º e 14º, respectivamente, em pontuação nesta temporada, ficou muito evidente que os jogadores com esse papel do Lakers não proporcionavam exatamente uma boa pontuação por noite. Algo que deve ser considerado com preocupação.

    Não podemos esperar que LeBron James seja o MVP na próxima temporada. Seu trabalho é levar o Lakers aos playoffs e, uma vez nos playoffs, é seu trabalho intensificar seu jogo para 100%.

    Idealmente, LeBron ficaria em cerca de 70% na próxima temporada e permitir que Anthony Davis tomasse as rédeas durante a temporada regular para que ele pudesse se salvar para uma corrida nos playoffs.

    Se os Lakers mantiverem praticamente o mesmo elenco que têm atualmente, será difícil para LeBron descansar ao longo da temporada.

    Adicionar Derrick Rose potencialmente alivia alguns dos problemas para a próxima temporada.

    Alguns podem dizer que Derrick Rose marcou apenas 18 pontos por jogo como a opção número um para o Detroit Pistons nas últimas duas temporadas, mas com Andre Drummond na escalação na maior parte dos últimos dois anos e com Blake Griffin estando totalmente apto para a temporada 2018-19 e apenas conseguindo jogar 18 partidas na temporada passada, Rose definitivamente não tem sido o ponto central da equipe de forma consistente.

    Com Griffin tendo uma média de 24,5 pontos por jogo em 2018-19 e Andre Drummond tendo uma média de quase 18 nas últimas duas temporadas, é justo dizer que a carga de pontuação foi compartilhada de forma bastante uniforme em Detroit.

    Até certo ponto, isso deve ser uma ótima notícia para o Lakers.

    Rose ainda é capaz de se manter consistente em termos de cestas, enquanto compartilha a bola com dois grandes homens com domínio da bola.

    Se Rose consegue uma média de 18 para o Lakers na próxima temporada, isso tira muita pressão dos ombros de LeBron James.

    Isso pode ser um grande negócio para o Lakers na hora dos playoffs.

    5 possíveis escolhas para o Lakers no draft 2020 da NBA

    Criador secundário consistente

    Vamos deixar isso bem claro, Derrick Rose nunca foi conhecido por sua habilidade de criar jogadas.

    Em seu auge com o Chicago Bulls, Rose era conhecido por sua velocidade vertiginosa, suas acrobacias e sua cruel habilidade partindo pra cesta.

    O MVP Derrick Rose foi uma maravilha de se ver.

    Enquanto a maior parte do atletismo foi roubado de Rose devido a uma série de lesões, Rose ainda tem alguns truques na manga.

    A média de 18.1 pontos ainda é um número impressionante para Rose depois de tudo o que ele passou, mas não é essa estatística que iremos nos concentrar.

    A média de carreira de 5,6 assistências de Rose é o número mais intrigante.

    Em seu pico absoluto, Rose teve média de 7,9 com o Chicago Bulls.

    Quando você pensa em Rose, você não pensa em sua habilidade de passe, mas Derrick Rose é um passador mais do que capaz, e agora, um passador mais do que capaz é exatamente o que o Lakers precisa.

    Se Rajon Rondo foi capaz de ser o 'Playoff Rondo' durante toda a temporada, então a necessidade de Rose entrar e ser o craque secundário seria discutível, mas Rondo é um jogador de playoff e o Lakers precisa de um jogador secundário para atingir a marca durante a temporada regular e ajudar LeBron James.

    Embora Rose não seja Chris Paul, Rajon Rondo ou Steve Nash quando se trata de dar assistências, ele provou que pode ser o principal craque de seus times no passado.

    Isso é tudo que o Lakers precisa de Rose, é ocasionalmente, não o tempo todo, ser o jogador principal quando LeBron está em modo de ataque ou fora de quadra.

    NBA: Ex-companheiro de LeBron desperta interesse do Lakers e mais dois times

    Conclusão

    O Lakers vai olhar atentamente para o elenco neste período de offseason.

    A avaliação é facilitada pelo fato de que eles ganharam o campeonato na temporada passada e de certa forma, pode fazer com que pensem que não há muito ou nada precisa ser mudado neste período de entressafra para serem candidatos ao título no próximo ano.

    Seria um erro de proporções épicas descansar sobre os louros e esperar por outro título na próxima temporada.

    Rob Pelinka sabe disso.

    Com Steph Curry e o Warriors saudáveis, com um Heat cada vez melhor, Nuggets, Celtics e a ameaça de Giannis e o Bucks, Kawhi e o Clippers e o novo adversário em Kevin Durant e Kyrie no Brooklyn, o caminho para o título da NBA será muito mais difícil na próxima temporada.

    Sim, esse cenário custa ao Lakers um jogador em Kyle Kuzma que ainda tem um potencial inexplorado e um pivô confiável em JaVale McGee, mas o Lakers é capaz de preencher essas posições e, potencialmente, fazer upgrade via agência gratuita para essas necessidades.

    O Lakers poderia oferecer a alguém como Danilo Gallinari o MLE para substituir Kuzma. Gallinari ajudaria em termos de tiro de 3 pontos. O Lakers provavelmente terá DeMarcus Cousins novamente e esperamos que ele continue saudável.

    Automaticamente, o Lakers substituem Kuzma e McGee por upgrades que podem ajudar drasticamente o plantel.

    Rose é rentável, comprovado, não exige que os Lakers esgotem todos os seus ativos comerciais para obtê-lo, ele dá aos Lakers um terceiro pontuador e um craque secundário. Importante novamente frisar que seu contrato não atrapalha a perseguição de Giannis na próxima temporada.

    Com os Lakers já demonstrando interesse em Derrick Rose anteriormente, este período de offseason pode ser o momento de renovar esse interesse e trazer um jogador que preencha uma série de necessidades para o time na temporada 2020-21 da NBA.

    Fala aí!