Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    01 de Novembro de 2020 por Renato Campos

    O Lakers negociou uma grande quantidade de capital no draft para obter Anthony Davis no período de offseason, sua escolha para a primeiro rodada de 2020 não fazia parte do acordo. Assim, o Lakers tem a 28ª escolha no Draft da NBA 2020 depois de terminar com o terceira melhor campanha da liga.

    Há muitas partes variáveis nesta offseason e não sabemos quem o Lakers pode trazer de volta em agência livre ou quem a equipe pode estar perseguindo de outras equipes, por agência gratuita ou via troca.

    Usando algumas estimativas com base no que pode acontecer neste período de offseason, listamos as maiores necessidades em cada posição para o Lakers no Draft 2020 da NBA.

    5. Ala-aberta

    A NBA está sem posição hoje em dia e nada é mais evidente disso do que o fato de que LeBron James é essencialmente o armador da equipe.

    Independentemente do papel real de LeBron, a ala-aberta é a menor necessidade.

    Danny Green: Não devo desculpa a torcida do Lakers

    Haverá opções de agentes livres para atender a essa necessidade, se ela surgir, e jogadores no plantel que se encaixam nesse papel. Há mais ênfase na ala de força do que propriamente nas laterais da quadra.

    4. Pivô

    A posição central está mudando mais do que nunca na NBA e por conta disso talvez a posição de pivô no Lakers poderia estar até na quinta posição dessa lista.

    O Lakers não vai colocar alguém em quadra quando pode ter Anthony Davis operando como o cinco e ainda ter JaVale McGee no elenco.

    Além disso, Dwight Howard pode ser recontratado por um preço barato e DeMarcus Cousins deve ser trazido de volta.

    LeBron James manda mensagem para potencial agente livre do Lakers

    Cousins não será o mesmo All-Star, mas se ele puder ser 75% do que costumava ser, o Lakers terá um pivô entre os 10 primeiros na liga.

    A equipe também tem a opção na reserva de JaVale McGee se necessário, embora Howard e Cousins sejam mais talentosos.

    3. Ala de Força

    Há muitas perguntas sobre a posição de ala de força que o Lakers vai precisar considerar. Kyle Kuzma será negociado? Markieff Morris voltará a se juntar ao time? O Lakers vai atrás do MLE, Danilo Gallinari?

    Se eles fossem atrás de alguém como Killian Tillie, isso pode ser um sinal de alguma negociação por Kuzma e assinatura de um jogador como Gallinari. Gallinari não seria uma opção de longo prazo e eles teriam Tillie para produzir imediatamente, além de ter tempo para desenvolver o jogador.

    9 times que podem incomodar o Lakers na próxima temporada da NBA

    Além disso, já não há muitos minutos disponíveis na posição por causa de Anthony Davis. Na maioria das vezes, esses alas tradicionais estão ocupando minutos em outro lugar. Kuzma ou Gallinari seriam essencialmente alas-abertos quando LeBron estiver no banco e Markieff Morris pode jogar no small ball de cinco.

    2. Ala-Armador

    O Lakers vai precisar de um plano de jogo sobre como lidar com a quadra de defesa nesta offseason. Nomes notáveis como Rajon Rondo e Kentavious Caldwell-Pope estão testando a agência gratuita e podem muito bem deixar o Lakers por um contrato maior em outro lugar.

    Também existe a possibilidade de negociar Danny Green. Green está em um contrato que está expirando e o Lakers poderia utilizar esse salário para obter um outro jogador. Uma chance é o combo Green com Kuzma e mais ativos para conseguir Victor Oladipo.

    2 jovens role players que o Lakers pode contratar sem muito esforço

    Mesmo que a equipe consiga Oladipo e consiga manter a escolha em 2020, eles têm questões de necessidade na armação. Alex Caruso é fantástico defensivamente e deve conseguir um papel maior e Talen Horton-Tucker é um projeto que pode desabrochar como um armador (point-guard), no mínimo.

    Além disso, porém, o Lakers não teria muito. Avery Bradley não é garantia de aceitar seu contrato, ou mesmo jogar na próxima temporada. Com KCP e Green fora, a posição de ala-armador torna-se bastante necessitada.

    No entanto, por causa de Caruso, e a opção de ter Green ou Oladipo (ou alguém semelhante), é mais fácil argumentar a favor da outra posição de armador como uma necessidade maior.

    Além disso, se THT é tudo o que o Lakers espera que ele seja, então o time já tem um jovem combo-guard para evoluir.

    1. Armador

    LeBron James pode atuar como armador do Lakers quando está na quadra, mas a equipe ainda precisa de alguém na posição. Rondo testando a agência gratuita pode ser uma grande perda para a equipe e a possibilidade de Avery Bradley não jogar na próxima temporada, ou cancelar seu contrato, é preocupante.

    Se Rondo assinar em outro lugar e Bradley não jogar / assinar em outro lugar, o Lakers não terá um único armador tradicional no elenco e até mesmo Bradley está longe de ser tradicional. Novamente, Alex Caruso é essencialmente um armador, mas ele se sai melhor como defensor do que como alguém que leva a bola para a quadra.

    Rumor coloca Carmelo Anthony como opção realista para o Lakers

    No entanto, existem opções na liga. Alguém como Goran Dragic seria uma grande contratação para o Lakers e os rumores de troca por Derrick Rose existem. Mesmo com ambas as opções, porém, o Lakers não deve recusar a oportunidade de recrutar um jovem armador promissor.

    Tre Jones é alguém para ficar de olho se cair para o Lakers na posição 28. Ele é absolutamente alguém que poderia fazer a diferença no banco imediatamente e se tornar um armador de calibre de titular.

    Fala aí!