Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    12 de Janeiro de 2021 por Renato Campos

    Por quatro jogos com Kentavious Caldwell-Pope de fora por causa de uma lesão no tornozelo, o Lakers foi uma equipe defensiva mediana. Eles permitiram 44,9% de arremessos e 37,5% da linha de 3 pontos, cedendo 104,8 pontos, 25,3 assistências e forçando apenas 10,5 turnovers por jogo naquele período.

    Eles conseguiram três vitórias, mas isso incluiu duas vitórias de dois pontos sobre dois times no fundo da tabela, Memphis e Chicago. No domingo, com Caldwell-Pope de volta ao time, a defesa parecia transformada, permitindo 102 pontos em 41,1% dos arremessos (29,3% da linha de 3 pontos), e forçando 21 turnovers.

    Caldwell-Pope marcou apenas sete pontos com aproveitamento de 3 em 9, mas recebeu o crédito de LeBron James pela forma como a defesa do Lakers jogou.

    “Sua velocidade, o nível de aceleração com que ele joga, acende automaticamente nosso time”, disse James. “Jogamos em um ritmo diferente quando ele está em quadra. Sua abordagem defensiva também, ele é capaz de marcar os melhores jogadores de perímetro. E ele está encaixado em nosso sistema, então, você sabe, é sempre bom tê-lo por perto. ”


    Caldwell-Pope arremessou bem nos primeiros jogos dos Lakers

    O mal rendimento de arremesso contra os Rockets foi acontecimento raro nesta temporada para Caldwell-Pope, que havia começado a temporada calibrado. Em seis jogos antes da lesão no tornozelo, KCP tinha acertado 52,6% de suas tentativas de 3 pontos. Esse número caiu para 47,8% depois que ele acertou apenas 1 de 4 no domingo.

    Ainda assim, o técnico Frank Vogel concordou com James que as contribuições de Caldwell-Pope vão muito além do que ele faz com seu arremesso.

    “A primeira unidade realmente definiu um tom na extremidade defensiva ', disse Vogel após o jogo. “Acho que ter o KCP de volta - acho que ele roubou umas três bolas no primeiro período, uma delas deve ter sido um desvio, ele não recebeu o crédito por isso. Ele forçou três turnovers de Houson nos primeiros minutos. Todo o grupo foi muito bom naquele primeiro período e deu o tom para a noite inteira. ”

    Vogel também creditou a velocidade de Caldwell-Pope em transformar a dinâmica dos titulares do Lakers. O time entra em quadra com boa estatura, mas KCP adiciona uma dimensão diferente.

    “Somos uma equipe grande”, disse Vogel. “Jogamos com jogadores muito altos, temos tamanho e para jogar com esse tipo de jogadores é preciso agilidade para complementar. Sua velocidade e capacidade atlética são inestimáveis para nós. Você tem o que ele pode fazer defensivamente, sua habilidade de chutar a bola do perímetro, ele é realmente um dos nossos melhores jogadores e uma parte importante do que estamos fazendo. ”

    Caldwell-Pope raramente perde jogos por contusão

    A ausência nesses jogos aconteceu pela primeira vez durante o período de Caldwell-Pope no Lakers. Ele tem sido o mais próximo de um "homem de ferro" como qualquer outro na equipe e nunca perdeu mais de dois jogos consecutivos em seus quatro anos em LA. Apenas duas vezes em sua carreira - com Detroit em 2016 e novamente em 2017 - ele perdeu quatro jogos seguidos e nunca perdeu mais do que isso.

    Em 2018-19, o primeiro ano de LeBron no Lakers, KCP jogou todos os 82 jogos.

    Vogel disse na semana passada que Caldwell-Pope mostrou mais sinais de liderança nesta temporada, ajudando os novos a se acostumarem com o sistema defensivo do Lakers.

    “Ele está no segundo ano de nosso sistema e mais confortável em sua função”, disse Vogel. “E quando você fica mais confortável em um sistema, em uma função, você fica mais confiante para assumir situações de liderança e ajudar alguém como Talen (Horton-Tucker) com algumas coberturas ou coisas assim.

    Fala aí!