Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    22 de Fevereiro de 2021 por Renato Campos

    nba_tem_cronograma_cruel_para_segunda_metade_da_temporada_e_playoffs_podem_ser_adiados

    Enquanto a NBA se prepara para lançar sua programação para a segunda metade da temporada 2020-21, as equipes estão supostamente preparadas para uma série de jogos atrasados.

    "Os times precisam se preparar para o pior cronograma que já viram. E realmente vai ser pesado, de cinco jogos em sete noites, todos os tipos de viagens estranhas, em que você joga no Leste e Oeste na mesma viagem. Quando esta tabela sair, espere ouvir muitas reclamações ", disse Brian Windhorst da ESPN no podcast The Hoop Collective.

    Windhorst disse que provavelmente veremos os times darem descanso aos jogadores em vários pontos na segunda metade da temporada simplesmente por causa da proximidade dos jogos.

    A NBA tentará obter 72 jogos para cada equipe nesta temporada e lidar com mais de 30 adiamentos na primeira metade por causa do COVID-19 e da tempestade de inverno no Texas.

    As equipes já regularmente tem poupado seus jogadores ao longo da temporada 2020-21, com várias estrelas se preservando em uma programação já apertada. A liga está tentando normalizar seu calendário após a temporada 2020-21, após a última temporada ter se estendido até outubro por causa da pandemia.

    Esta temporada começou com uma série de casos COVID em toda a liga, levando a adiamentos em cima da hora do jogo durante o primeiro mês e equipes jogando com um poucos jogadores em outras noites. A liga tem conseguido um melhor manejo do vírus ao longo da temporada, com apenas oito jogos adiados por causa do COVID-19 em fevereiro, contra 21 em janeiro.

    O surto recente do Spurs é responsável por metade dos adiamentos neste mês.

    Não está claro como a NBA vai lidar com os adiamentos na segunda metade da temporada. Parece provável que haja cancelamentos definitivos se a liga espera manter o cronograma atual. No entanto, é possível que a NBA adie os playoffs na esperança de levar cada equipe à marca de 72 jogos.

    NBA: Analista critica decisão de LeBron James que poderia ter dado vitória ao Lakers contra o Heat

    Fala aí!