Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    14 de Maio de 2021 por Renato Campos

    michael_jordan_revela_ultima_conversa_com_kobe_bryant_as_vesperas_de_apresentar_o_jogador_no_hall_da_fama_da_nba

    Neste sábado, o Naismith Memorial Basketball Hall of Fame vai anunciar sua classe de 2020, encabeçada por lendas da NBA como Tim Duncan, Kevin Garnett e claro, nosso eterno Kobe Bryant.

    Kobe será postumamente anunciado ao Hall da Fama do Basquete por ninguém menos que Michael Jordan, um jogador com o qual Kobe foi comparado por toda sua carreira, mas também por uma pessoa com quem ele formou um forte relacionamento ao longo dos anos.

    E embora novos membros do Hall da Fama tenham que ser empossados por membros anteriores, o hall vai permitir uma brecha na tradição, para que Vanessa Bryant possa falar em nome do seu falecido marido.

    Durante essa semana, Michael Jordan comentou o fato de estar anunciando um dos grandes da história do esporte e revelou sua última conversa com o Black Mamba:

    - Essa tequila é incrível - disse Kobe, se referindo a um presente de Jordan.

    - Obrigado, irmão - respondeu Jordan.

    - Sim, senhor! A família está bem? - Kobe respondeu.

    - Tudo bem. E a sua?

    - Tudo bem

    - Boas festas! Espero conversar com você em breve 'Coach Kobe' - brincou Jordan, ressaltando que Kobe na época estava animado em treinar a filha Gianna.

    - Ah, boas festas pra você também, cara. Hey, treinador, estou sentado no banco neste momento, e estamos vencendo por 45-8 - respondeu Kobe.

    Confira a lista dos jogadores que serão introduzidos ao Hall da Fama neste sábado

    Patrick Baumann, apresentado por Russ Granik e Vlade Divac

    Kobe Bryant, apresentado por Michael Jordan

    Tamika Catchings, apresentado por Alonzo Mourning e Dawn Staley

    Tim Duncan, apresentado por David Robinson

    Kevin Garnett, apresentado por Isiah Thomas

    Kim Mulkey, apresentado por Michael Jordan

    Barbara Stevens, apresentada por Geno Auriemma, Muffet McGraw

    Eddie Sutton, apresentado por John Calipari, Bill Self e Sidney Moncrief

    Rudy Tomjanovich, apresentado por Calvin Murphy e Hakeem Olajuwon

    Não é preciso dizer que a celebração não será a mesma sem Kobe ou sua filha, Gianna. Mas a esperança é que a cerimônia ainda consiga transmitir a figura monumental que ele foi e o quanto significou para as pessoas que amam o basquete, principalmente para nós, torcedores do Los Angeles Lakers.

    Fala aí!