Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    20 de Maio de 2022 postado por Renato Campos

    lavar_ball_crava_lavine_esta_de_malas_prontas_para_o_lakers

    Zach LaVine vai ser um agente livre esta offseason e o velho conhecido da torcida do Lakers, LaVar Ball, acredita que ele está de malas prontas para Los Angeles.

    "Ele está indo embora. E vou te dizer porque. Tudo começou com Zach LaVine, Zach LaVine, Zach LaVine. Ele se machuca, algumas coisas acontecem e adivinhe quem está fazendo as grandes jogadas... Tudo que ouço é DeMar, DeMar, DeMar, DeMar. Ele não quer ser um jogador secundário aqui. Quem não quer ir para L.A.? Ele quer voltar para a Costa Oeste. ... Se ele tiver a chance de ir.. Eu garanto que ele não é nenhum tolo."

    LaVine, que cresceu nos subúrbios de Seattle e foi para a UCLA, pode querer voltar para a Costa Oeste para jogar ao lado de LeBron James e Anthony Davis, e buscar um título em Los Angeles.

    A questão é que o Lakers basicamente não tem um caminho realista para liberar o espaço necessário para contratá-lo.

    Supondo que Russell Westbrook opte por seu contrato de US$ 47,1 milhões para a temporada, o Lakers vai ter em sua folha um gasto de US$ 139,9 milhões por apenas quatro jogadores (Westbrook, James, AD e Talen Horton-Tucker). Kendrick Nunn também tem uma opção de jogador de US$ 5,3 milhões que vai provavelmente optar, depois de ter ficado a temporada inteira de fora.

    Isso por si só já deixa o Lakers bem acima do soft cap projetado de US$ 122 milhões, o que significa que seu único caminho para assinar agentes livres são contratos mínimos e a exceção de nível médio. LaVine, enquanto isso, deve conseguir o máximo em outro lugar.

    Uma opção seria um acordo de "sign-and-trade" no qual Westbrook teria que aceitar, para em seguida ser negociado com o Bulls. LaVine teria que assinar um acordo máximo com Bulls de cinco anos no valor de US$ 212 milhões, que lhe pagaria US$ 36,6 milhões na próxima temporada, antes de ser negociado com o Lakers.

    Porém, isso é extremamente improvável.

    Por um lado, o Bulls precisaria querer muito Westbrook e seu enorme contrato. Com o filho de LaVar, Lonzo Ball, já na posição de armador, ter Westbrook não faz sentido.

    Então, mesmo que LaVine realmente quisesse jogar em Los Angeles, ele precisaria do Bulls ou de algum outro time para ajudá-lo, e muito. Dadas essas circunstâncias particulares, isso parece incrivelmente improvável, apesar da previsão de LaVar.

    Fala aí!