Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    05 de Maio de 2022 postado por Renato Campos

    nba_lakers_tem_entrevista_marcada_com_assistente_ligado_a_westbrook

    [admoney1][/admoney1]

    Shams Charania, do The Athletic, informou na quarta-feira que o Lakers pediu permissão ao Toronto Raptors para entrevistar seu assistente técnico, Adrian Griffin.

    Griffin jogou na NBA de 1999 a 2008 e também tem uma conexão com Russell Westbrook. Griffin já trabalhou com Westbrook quando assistente do Oklahoma City Thunder. As duas temporadas de Griffin no Thunder, durante as quais ele foi o principal assistente de Billy Donovan, incluíram o ano do prêmio MVP de Westbrook em 2016-17.

    Griffin é bastante qualificado além de sua conexão com Westbrook. Ele é assistente técnico da NBA desde 2008, com passagens por cinco equipes diferentes. Griffin também é atualmente o principal assistente do treinador do Raptors, Nick Nurse, e ajudou a franquia no seu primeiro título em 2019.

    [adgoogle][/adgoogle]

    Lakers pode ter sua primeira frustração na busca por um técnico

    De acordo com o insider da NBA Marc Stein, é improvável que Mark Jackson seja o próximo treinador do Lakers, apesar da suposta preferência de LeBron James.

    “… enquanto Jackson parece ter sua melhor chance com Sacramento em um cargo de treinador da NBA desde sua demissão no Golden State após a temporada 2013-14, as perspectivas de Jackson com o Lakers não parecem tão robustas – mesmo com o apoio percebido da estrela do Lakers, LeBron James.”

    [adgoogle][/adgoogle]

    Na segunda-feira, Stein escreveu que "Jackson está realmente na lista do Lakers se não conseguir o emprego em Sacramento, mas não tenho a sensação - ainda - de que ele tenha uma forte chance em Los Angeles".

    Em abril, Sam Amick, do The Athletic, informou que LeBron “ficaria muito entusiasmado” com a perspectiva de jogar para Jackson. LeBron pressionou o Cleveland Cavaliers a considerar Jackson em 2016 – sem sucesso.

    Jackson foi entrevistado para vários empregos desde que foi dispensado pelos Warriors em 2015. Seu trabalho, sem dúvida, foi minimizado depois que Steve Kerr imediatamente levou o Golden State a dois títulos e permitiu que Steph Curry, Klay Thompson e Draymond Green revolucionassem o basquete. Jackson também se viu em uma situação complicada, quando o proprietário do Warriors, Joe Lacob, afirmou que “ele não conseguia se dar bem com mais ninguém na organização… 200 pessoas”.

    Jackson teve uma campanha de 121-109 em três temporadas com o Warriors, sendo 9-10 nos playoffs.

    [adgoogle][/adgoogle]

    O Lakers está realizando uma busca lenta e extensa por um substituto para Frank Vogel – e a pessoa certa para administrar os últimos anos da janela de campeonato de LeBron James. Em entrevistas, Rob Pelinka disse que o Lakers está procurando uma “voz forte” para comandar estrelas e espera ter um novo treinador antes do Draft da NBA em 23 de junho.

    O Lakers e o Hornets receberam permissão essa semana para entrevistar o assistente técnico do Milwaukee Bucks, Darvin Ham.

    [adgoogle][/adgoogle]

    Fala aí!