Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    21 de Junho de 2022 postado por Renato Campos

    nba_3_motivos_para_o_lakers_nao_entrar_na_briga_por_kyrie_irving

    Depois de que foi anunciado que o Lakers tem interesse no armador Kyrie Irving, caso ele não assine uma extensão com o Nets, embora a maioria da torcida tenha gostado da ideia, alguns outros torceram o nariz ao imaginar que um jogador tão polarizador possa atrapalhar o caminho do Lakers.

    Com isso dito, vamos listar abaixo, três pontos que o Lakers deveria considerar para não trazer Kyrie Irving para Los Angeles.

    1. Contrato de longo prazo

    O melhor dos mundos seria o Lakers conseguir convencer Kyrie a não optar por sua opção de contrato e assinar por um ano inicialmente com o time. Se ambos os lados tiverem sucesso, ai sim a diretoria e Kyrie negociariam uma extensão na próxima offseason.

    Mas essa opção não deve ser fácil de acontecer. A opção de jogador de Kyrie lhe dá vantagem. Se ele imaginar que talvez o Lakers possa não lhe dar uma extensão de contrato, ele pode explorar outros times no mercado com facilidade.

    Irving é elegível a uma extensão de contrato com o seguintes termos:

    2022-23: US$ 42,7 milhões

    2023-24: US$ 46,1 milhões

    2024-25: US$ 49,8 milhões

    2025-26: US$ 53,8 milhões

    2026-27: US$ 58,1 milhões

    Embora Irving tenha apenas 30 anos, se comprometer a longo prazo com um jogador cheio de problemas fora da quadra como ele, pode ser arriscado.

    greenrun_banner

    2. Falta de compromisso

    O Lakers ainda pretende disputar um título enquanto LeBron permanece em Los Angeles. Irving, apesar de toda a sua habilidade, demonstrou desinteresse em priorizar as conquistas. Ele solicitou uma troca do Cavs antes dos playoffs de 2018. Ele sabotou o Boston Celtics nos playoffs de 2019. Ele teve uma ausência prolongada dos Nets logo após o início da temporada de 2021. Sua falta de vontade de mudar de ideia ao ser vacinado, desperdiçou uma temporada de janela de título do Nets. Por outro lado, o Lakers exigiu que seus jogadores fossem vacinados antes da temporada 2021-22. Como seria se Kyrie estive em L.A.?

    A presença de LeBron e uma mudança de cenário de repente transformariam Kyrie em uma jogador com mais interesse? Não sabemos.

    3. Problemas nos bastidores

    O Lakers acabou de encerrar uma temporada que foi parcialmente atormentada por tensões internas. Russell Westbrook nunca teria respeitado Frank Vogel nem sua equipe técnica. Ele questionou se LeBron e AD realmente fizeram um esforço para “deixar Russ ser Russ”.

    Além dos problemas mencionados, Irving não tem sido exatamente o colega ideal. Na segunda-feira, Stephen A. Smith revelou que Irving tinha seus próprios treinos dentro do Nets, ao mesmo tempo que Steve Nash comandava seus colegas de time.

    É possível que Darvin Ham ganhe o respeito de Kyrie e tenha a seriedade de acabar com qualquer comportamento egoísta. Mas Nash é um membro do Hall da Fama que Irving inicialmente respeitou.

    Leia também: 3 motivos para o Lakers entrar de cabeça na briga por Kyrie Irving

    Independentemente de como a offseason se desenrola, o Lakers terá um elenco veterano e ainda muito questionável na próxima temporada. Sua margem de erro será extremamente pequena em meio a uma forte Conferência Oeste. Se eles querem um ano tranquilo com uma verdadeira mentalidade de título, Kyrie pode não ser o melhor cara para se trazer a bordo?

    Se o desempenho de Kyrie nos últimos três anos não convenceu o Nets a se comprometer com ele, apesar de seu talento, porque o Lakers deveria se sentir confiante?

    Fala aí!