Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    31 de Julho de 2022 postado por Renato Campos

    nba_julius_randle_pode_retornar_ao_lakers

    Parece que o Lakers está interessado em voltar aos velhos tempos.

    O insider da NBA Marc Stein informou durante uma sessão ao vivo do Spotify neste sábado (com Darryn Albert, da Larry Brown Sports) que o Lakers pode ir atrás de Julius Randle se o Knicks adicionar Donovan Mitchell ao seu elenco em uma troca com o Utah Jazz nesta offseason.

    Stein acrescentou que o Lakers não se importaria em assumir o restante do contrato de quatro anos de Randle, no valor de US$ 117 milhões. Ele vai receber US$ 23,7 milhões em 2022-23 e seu salário aumenta a cada temporada até se tornar um agente livre irrestrito em 2026.

    O Lakers selecionou Randle na sétima posição do draft de 2014. Ele passou as primeiras quatro temporadas de sua carreira em Los Angeles, mostrando melhorias a cada ano.

    Durante sua última temporada com o Lakers em 2017-18, Randle teve médias de 16,1 pontos, 8,0 rebotes e 2,6 assistências em 82 jogos, enquanto teve aproveitamento de 55,8% de seus arremessos.

    Após sua passagem pelo Lakers, Randle assinou um contrato de dois anos com o Pelicans, que incluía uma opção de jogador para a temporada 2019-20. Ele recusou sua opção de jogador para se tornar um agente livre.

    O jogador de 27 anos assinou um contrato de três anos com o Knicks antes de concordar com uma extensão de quatro anos com a franquia em agosto de 2021.

    Desde que deixou o Lakers, Randle melhorou seu jogo em todas as áreas. Após uma temporada All-NBA 2020-21, no entanto, seus números caíram em 2021-22. Os 20,1 pontos, 9,9 rebotes e 5,1 assistências de Randle por jogo não foram melhores em relação à temporada anterior, e seus arremessos de três pontos caíram para 30,8%.

    Ainda assim, Randle voltando para Los Angeles parece depender da aquisição de Mitchell pelo Knicks e, no momento, as coisas não parecem super acertadas, já que as negociações entre o Knicks e o Jazz “pararam”, de acordo com Shams Charania, do The Athletic.

    No entanto, o Knicks ainda é visto como o principal destino de Mitchell porque pode oferecer o melhor pacote de escolhas e jogadores em troca pelo jogador.

    Fala aí!