Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    29 de Agosto de 2022 postado por Renato Campos

    nba_lakers_tem_plano_para_lidar_com_situacao_de_russell_westbrook

    [adgoogle][/adgoogle]

    O Lakers finalmente fechou uma negociação, enviando Talen Horton-Tucker e Stanley Johnson para o Utah Jazz em troca de Patrick Beverley.

    Beverley dá ao Lakers um defensor sólido e um arremessador consistente, mas também sugere que a equipe ainda tem planos de se separar de Russell Westbrook.

    O pensamento é que a diretoria vai acabar encontrando um acordo para se livrar da Westbrook, e alguns executivos acreditam que o Lakers têm três claros parceiros de troca. Em uma aparição no “Lakers Talk with Allen Sliwa”, o insider da ESPN Brian Windhorst sugeriu que o time faria uma negociação até o prazo final de trocas da NBA:

    “Meu palpite é que, em fevereiro, o Lakers terá feito uma troca significativa. O Nets pode ter uma certa posição hoje, mas não significa que a situação vai se manter assim por seis semanas. Não significa que eles vão se sentir assim em três meses.”

    [adgoogle][/adgoogle]

    No entanto, Windhorst acrescentou que o Lakers não está correndo para fazer uma troca para se livrar de Westbrook, mas que a diretoria está focada em melhorar o elenco:

    “O Lakers deve permanecer paciente. Eu acho que a mensagem que o Lakers enviou é que o time está disposto a pagar para atualizar o elenco, mas a diretoria não quer pagar apenas para trocar Russell Westbrook. A missão não é apenas trocar Russ. A diretoria quer melhorar significativamente sua equipe.”

    Com recursos limitados para executar negociações, a diretoria precisa ter certeza de que os jogadores que voltarem em uma potencial troca de Westbrook os levarão ao topo da liga.

    [mediabr][/mediabr]

    3 times que podem realmente trocar por Westbrook nas próximas semanas

    Com Patrick Beverley agora no Lakers, o próximo passo a ser observado é o que a diretoria vai fazer com Russell Westbrook.

    O Lakers estava com a esperança de trocá-lo por Kyrie Irving, mas esse plano foi por água abaixo quando o Brooklyn Nets e Kevin Durant conseguiram deixar de lado suas diferenças e seguir em frente com sua parceria. Depois de todos os rumores e dramas nesta offseason, parece impossível para o Lakers trazer Westbrook de volta para a temporada 2022-223, e surgiram relatos de que seus dias em Los Angeles podem estar contados.

    No que diz respeito a quem o Lakers pode negociar, existem alguns parceiros que os executivos da liga acreditam serem viáveis, como relatou Eric Pincus do Bleacher Report:

    “De acordo com um executivo da NBA, o Lakers têm três parceiros ‘óbvios’ restantes que devem buscar para fazer uma troca de Westbrook: o Indiana Pacers, San Antonio Spurs ou Utah Jazz”.

    [adgoogle][/adgoogle]

    O Pacers, Spurs e Jazz estão em reconstrução após os movimentos que fizeram nesta offseason, tornando-os principais parceiros para negociações. Todas as três equipes podem aceitar o contrato de US$ 47 milhões de Westbrook e presumivelmente comprá-lo logo em seguida, pois ele tem pouca utilidade em suas elencos com jogadores jovens.

    Embora cada um deles faça sentido no papel, Indiana seria um time ideal para negociar, pois eles têm Buddy Hield e Myles Turner para igualar os salários. Hield e Turner estão ligados ao Lakers há muito tempo, mas parece que agora as circunstâncias são perfeitas para os dois lados chegarem a um acordo.

    Negociar as duas escolhas de primeira rodada não foi uma grande ideia para o Lakers nos primeiros dias da offseason, mas com Beverley agora na equipe, eles devem estar mais dispostos a oferecer tanto para contratar Hield quanto Turner. Será interessante ver o quão agressivos o Lakers será nas negociações nas próximas semanas.

    [adgoogle][/adgoogle]

    Fala aí!