Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    31 de Agosto de 2022 postado por Renato Campos

    nba_o_lakers_pode_ser_a_peca_chave_para_uma_troca_de_donovan_mitchell

    [adgoogle][/adgoogle]

    Com RJ Barrett e o Knicks entrando em um acordo de mais quatro anos, o que isso significa para a negociação do time de Nova York pelo armador Donovan Mitchell do Utah Jazz?

    O Knicks pode precisar de um terceiro time para ter os serviços do armador do Jazz. Com isso, o Lakers pode ser o parceiro mais disponível, em sua busca para se livrar de Russell Westbrook.

    O Knicks e o Jazz têm as peças para fechar um acordo diretamente. Então, por que eles iriam querer incluir o Lakers?

    Simples, o Lakers pode ser capaz de diminuir o fardo do Knicks enquanto ajuda o Jazz a não ter algum contrato desnecessário.

    Vamos avaliar alguns detalhes que o jornalista Eric Pincus do Bleacher Report destacou em seu último artigo:

    "O Knicks precisa enviar pelo menos US$ 24,2 milhões em salário para absorver os US$ 30,4 milhões de Mitchell para 2022-23. Mas a equipe não tem muitas maneiras de chegar a esse número com Barrett em Nova York.

    "Jogadores recém-contratados (Jalen Brunson, Mitchell Robinson, Isaiah Hartenstein e Jericho Sims) estão fora da equação até pelo menos dezembro. As cinco perspectivas disponíveis da equipe (Cam Reddish, Obi Toppin, Immanuel Quickley, Quentin Grimes e Miles McBride) não são suficientes para suprir o contrato de Mitchell em um total de US$ 17,5 milhões.

    "Isso significa pelo menos a inclusão de Julius Randle, Evan Fournier ou Derrick Rose. Nenhum dos três tem um valor óbvio para a reconstrução do Jazz. Randle ainda tem mais de US$ 106 milhões para receber se ele optar por sua opção de jogador em 2025-26. Fournier deve receber US$ 18,9 milhões em 2023-24 (com uma opção do time no valor de US$ 19 milhões em 2024-25). Apenas Rose poderia funcionar para o Jazz com o que pode ser considerado um contrato expirante (opção do time de US$ 15,6 milhões antes da temporada final). No entanto, como o Knicks provavelmente prefere manter Rose, que tem sido um coringa de Tom Thibodeau desde seu tempo com o Chicago Bulls, Fournier provavelmente é a resposta."

    [adgoogle][/adgoogle]

    Tudo isso faz com que o Knicks precise de algumas das compensações necessárias de draft para concluir o acordo, colocando esse fardo sobre o Lakers, que ainda espera encontrar um parceiro para troca por Westbrook.

    O Jazz pode preferir ficar com Westbrook por US$ 47,1 milhões em uma temporada, do que absorver os US$ 36,9 milhões garantidos por Fournier em duas. O Jazz pode economizar dinheiro ao adicionar escolhas de primeira rodada do Lakers.

    O Lakers pode estar aberto a abrir mão de uma de suas escolhas de primeira rodada de 2027 ou 2029 para se desfazer de Westbrook. Para enviar as duas, o Lakers deve acreditar que está ganhando uma chance razoável de competir no mais alto nível na Conferência Oeste. No papel, o Lakers é uma equipe que precisa de arremessadores que melhoraria drasticamente adicionando Bojan Bogdanovic e Fournier.

    [adgoogle][/adgoogle]

    O Lakers também pode ficar com Reddish do Knicks, que pode não estar no radar do Jazz, já que ele é elegível para extensão nesta offseason. O Lakers já tentou adquirir a jovem ala do Hawks e do Knicks. Vale lembrar, que ele faz parte da equipe da Klutch Sports, compartilhando o agente com LeBron James, Anthony Davis, Lonnie Walker IV, Kendrick Nunn e Troy Brown Jr, o que pode ser um bom presságio para o próximo contrato de Reddish em Los Angeles.

    Resultados do Los Angeles Lakers?

    O Lakers pode abrir espaço para três jogadores com Westbrook fora do elenco. Qualquer espaço adicional pode fazer com que o Lakers não precise se desfazer de jogadores que esteja nos seu plano, como Wenyen Gabriel.

    O Jazz e o Knicks podem argumentar que não precisam do Lakers, apostando que o time está desesperado o suficiente para fazer um acordo por Westbrook. Mas se as duas franquias estiverem realmente presas em uma negociação por Mitchell, talvez aqui haja um compromisso de três vias que funcione para todos.

    Talvez veremos Mitchell e Gay indo para o Knicks, Fournier, Bogdanovic e Reddish para o Lakers, e Westbrook, Toppin e Grimes para o Jazz.

    [mediabr][/mediabr]

    Fala aí!