Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Franklin Sampaio

    23 de Setembro de 2022 postado por Franklin Sampaio

    nba_3_jogadores_do_jazz_que_podem_acabar_vestindo_a_camisa_do_lakers

    O Utah Jazz continuou ativo nesta offseason quando a equipe trocou Bogan Bogdanovic para o Detroit Pistons por Kelly Olynyk e Saben Lee esta semana. O pacote comercial realmente não foi nada de especial e elimina a possibilidade do Lakers trocar Russell Westbrook com o Jazz antes do início da temporada.

    Esta foi uma troca estranha para o time de Utah, que não recebeu nenhuma escolha de primeira rodada em troca e adicionou ainda mais jogadores ao elenco.

    Dito isso, em breve jogadores terão que fazer as malas de lá e o Lakers pode aproveitar essa chance. O time ainda tem mais uma vaga no elenco para utilizar e, se o jogador certo estiver disponível, Pelinka pode fazer uma jogada mais segura.

    Vamos dar uma olhada em três jogadores do Jazz, que o Lakers ainda poderia tentar uma negociação:

    1. Jared Vanderbilt

    Jared Vanderbilt é um candidato a ser cortado pelo Jazz antes da temporada. O jovem foi incluído na troca de Rudy Gobert e, apesar de sua juventude, ele não oferece muito para o Jazz agora.

    O Lakers precisa de arremessos de três pontos e espaçamento na quadra e Vanderbilt não ajuda nesse problema. Ainda assim, ele ainda adicionaria profundidade para o time de Darvin Ham.

    2. Rudy Gay

    A ala é uma posição carente em Los Angeles. Em vez de adicionar alas ao elenco, o Lakers optou por carregar o time de armadores.

    As opções para a equipe na agência livre não eram as melhores, mas certamente ainda havia opções que o Lakers poderia ter explorado.

    Rudy Gay não vai resolver todos os problemas, mas pelo menos acrescentaria profundidade e experiência veterana a uma parte do elenco que precisa desesperadamente disso. Gay já seria um jogador que potencialmente seria incluído em uma troca de Westbrook, então pode acabar sendo um cenário bastante possível.

    3. Kelly Olynyk

    Embora tenha acabado de ser negociado, Olynyk realmente não se encaixa no elenco do Jazz, que quer ter mais jogadores jovens em quadra.

    Olynyk adicionaria profundidade e uma nova dinâmica ao garrafão do Lakers. Ele seria essencialmente uma versão melhor de Wenyen Gabriel quando Ham quiser implementar o small ball por exemplo.

    Mais importante, Olynyk pode matar umas bolas de três pontos. Ele acertou 40% de três com o Miami durante a temporada 2019-20 e 39% depois que foi negociado no ano seguinte.

    De fato, essas estão longe de serem ótimas opções, mas com o training camp mais perto do que nunca, pouco pode ser feito agora.

     

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter