Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    19 de Setembro de 2022 postado por Renato Campos

    nba_isaiah_thomas_nega_treino_com_o_lakers_apos_rumores

    No sábado, Michael Scotto, do Hoopshype, divulgou uma notícia de que o Lakers finalmente havia percebido que estão um pouco aquém das alas e, assim, trouxeram agentes livres Jeremy Lamb, Dwayne Bacon, Miye Oni e Shabazz Muhammad para treinos recentemente. Logo depois, outro relatório de Scotto disse que Isaiah Thomas, Armoni Brooks, Sharife Cooper e Mychal Mulder também haviam trabalhado para a equipe.

    Porém, Thomas logo foi ao Twitter negar que participou de tal treino:

    "Não, eu não treinei para os Lakers!!!! Que FONTE te disse isso??"

    Isso faz sentido de certa forma, porque o Lakers já teve Isaiah Thomas em sua equipe duas vezes com Rob Pelinka como gerente geral, uma vez quando negociaram seu contrato para liberar espaço para LeBron James em 2018, e com um contrato de 10 dias enquanto a equipe era devastada pelas ausências de protocolos de saúde e segurança na última temporada. Seria muito estranho se Thomas tivesse que ser avaliado novamente.

    Kevin Garnett pressiona Anthony Davis rumo a nova temporada

    Não há dúvidas que o maior nome do Lakers hoje é LeBron James.

    LeBron é o maior nome do basquete e uma das estrelas da NBA mais populares, bem-sucedidas e maiores de todos os tempos, portanto, ele será o jogador principal de qualquer time do qual faça parte.

    Mas ele não está sozinho.

    Existem outro nome no elenco do Lakers e uma lenda da NBA sente que é hora de um deles se destacar.

    Kevin Garnett falou recentemente sobre o futuro do Lakers e disse que Anthony Davis precisa começar a liderar o time.

    “É a vez dele carregar a tocha. Bron carregou esses caras por uma década inteira… AD veio para o Lakers para ser um MVP e pegar a tocha do cara e carregá-la”, disse Garnett sobre AD.

     

    Garnett não é o único que sente que Davis precisa assumir mais o controle do Lakers.

    A temporada 2022-23 será a quarta de Davis com os Lakers.

    Desde que veio do New Orleans Pelicans, Davis encontrou o sucesso ao vencer o título na bolha e fez parte da grande decepção do ano passado com o time não chegando aos playoffs.

    Sua produção tem sido prejudicada por várias lesões graves que o mantiveram abaixo dos 50 jogos nas últimas duas temporadas.

    Mesmo quando saudável, muitos torcedores sentiram que Davis nunca assumiu um papel de liderança.

    Portanto, faz sentido que ele busque começar a liderar agora.

    Futuro de Anthony Davis está prestes a ser decidido pelo Lakers

    O Lakers tem muito o que provar na próxima temporada da NBA, mas se tem um jogador que precisa mais ainda, esse cara é Anthony Davis.

    Embora Davis ainda tenha mais dois anos sob contrato, esta temporada apresenta um momento crucial para o jogador.

    A maior questão em torno de Davis em relação ao seu futuro está ligada à sua saúde e não seu talento. Davis tem sido uma das estrelas mais propensas a lesões na liga e isso é uma questão que muito preocupa a diretoria do Lakers obviamente.

    Davis precisa de uma temporada inteira saudável, se não a diretoria vai ter que começar a questionar seu plano de longo prazo com o superstar. Davis não precisa necessariamente estar em quadra em 82 jogos, mas ele não pode perder a quantidade significativa de tempo que teve nas últimas duas temporadas.

    A única temporada em que Davis permaneceu saudável durante todo o ano foi quando a NBA teve uma pausa de seis meses por causa de uma pandemia global, com o Lakers se sagrando campeão na bolha em Orlando. Fora isso, ainda não vimos Davis ficar em forma todos os 82 jogos e comandar um time rumo os playoffs.

    Embora Davis ainda não seja considerado "velho" em termos da NBA, ele fará 30 anos em março. Jogadores grandes com problemas de lesões normalmente não ficam menos propensos a elas quando estão na faixa dos 30.

    Davis tem que provar que ele não vai seguir esse caminho e, em vez disso, vai conseguir dominar a liga de novo.

    Nós contamos com isso.

    Fala aí!