Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    26 de Setembro de 2022 postado por Renato Campos

    nba_russell_westbrook_nao_tem_vaga_garantida_no_time_do_lakers

    O media day do Lakers nesta segunda-feira foi muito centrado em Russell Westbrook. Depois de tentar trocá-lo durante a maior parte da offseason, o Lakers agora precisa reverter o clima e aproveitar o máximo de Russ pelo menos durante parte da temporada.

    As perguntas agora, no entanto, são sobre como o armador será usado após um primeiro ano longe do planejado. Com várias outras opções na armação, a posição de titular de Westbrook não está garantida. Mas o que antes era visto como um problema, agora parece ser um movimento contra o qual Westbrook não está adotando uma postura dura, como ele mesmo respondeu:

    “Cara, estou animado para entrar em quadra, animado para competir, animado para jogar”, disse Westbrook. “Estou ansioso para começar a temporada, o que quer que aconteça, vai se desenrolar. Estou feliz e abençoado por poder jogar o jogo que amo novamente”.


     

    No domingo, Adrian Wojnarowski, da ESPN, conversou com Westbrook sobre a ideia de sair do banco, no qual ele teve uma citação e reação semelhantes.

    “Faço o que for preciso para esse time vencer”, disse Westbrook. “Estou preparado para o que vier no meu caminho.”

    Antes de Russ falar, o técnico Darvin Ham deu sua entrevista e não se comprometeu com a ideia de Russ ser titular.

     

    “Estamos longe de uma definição. Quero dizer, temos várias opções”, disse Ham sobre a definição de seus titulares. “Você sabe, obviamente contratamos Dennis, contratamos Pat Bev, contratamos um saudável Kendrick Nunn, junto com o próprio Russell, Austin Reaves, temos uma variedade de opções para observar em nossa quadra de defesa.

    “Mas, novamente, como mencionei, temos que ter uma mentalidade defensiva. Esses são os caras que vão conseguir os minutos, caras que estão indo lá para fazer esse trabalho, e ele me disse pessoalmente que iria se comprometer com essa função. E é para isso que serve o training camp. Veremos... temos opções mais do que suficientes com as quais nos sentimos confortáveis.”

    Exatamente por quanto tempo Russ vai permanecer no Lakers ainda não se sabe, pois ele certamente continuará sendo incluído nos rumores de troca durante a temporada. Mas uma coisa é certa: Russ de fato vai ter que brigar por um espaço na equipe de Darvin Ham.

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter