Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    08 de Novembro de 2022 postado por Renato Campos

    nba_anthony_davis_abre_o_jogo_sobre_o_que_mudou_na_defesa_do_lakers

    Quando o Lakers venceu o campeonato da NBA na temporada 2019-20, o time foi considerado uma força defensiva.

    O elenco contava com jogadores de boa forma física e atlética que contou com JaVale McGee jogando de pivô, Anthony Davis na ala de força e LeBron James jogando na ala aberta.

    Naquela temporada, Davis jogou 60% de seus minutos de temporada regular na posição 4, e na temporada seguinte, ele estava nessa posição 91% do tempo.

    Mas desde então, Davis jogou a grande maioria de seus minutos como pivô, e ele é atualmente o pivô titular do Lakers novamente.

    [adgoogle][/adgoogle]

    Embora o Lakers tenha se mostrado promissor no lado defensivo no começo da temporada, o time regrediu, permitindo pelo menos 130 pontos em dois dos últimos três jogos.

    Depois que o time perdeu para o Jazz na segunda, Davis foi questionado sobre como as coisas mudaram naquele lado da quadra nos últimos dois anos, e ele falou sobre o quão diferente é seu papel defensivamente, dependendo de qual posição ele joga.

    “Foi um pouco diferente porque eu pude me movimentar mais. Eu estava jogando na 4, JaVale estava jogando na 5 e Dwight também estava jogando na 5, então pude marcar o perímetro e sabia que eu tinha caras atrás de mim que podiam ajudar... Agora, quando estou na 5, sou eu quem está em ação contra pick-and-rolls, marcando no post, coisas assim. Estávamos voando, estávamos muito bem defensivamente. Também estamos muito bem defensivamente este ano. Acho que os papéis mudaram um pouco tanto quanto às posições. Em 19-20, eu podia estar na posição 4 mas também tinha a facilidade de ajudar a marcar todos na quadra. É difícil fazer isso quando estou defendendo como pivô.”


    Nesta temporada e na última, com Davis como principal protetor de aro da equipe, ele teve problemas para enfrentar alguns jogadores debaixo do aro, em tais situações, muitas vezes se viu com uma ala tentando impedir um jogador maior de pontuar perto do aro.

    [adgoogle][/adgoogle]

    Na segunda, Damian Jones, único pivô de origem do time que está disponível para jogar, entrou aos 15 minutos e se saiu muito bem com 10 pontos, sete rebotes e um toco. No entanto, o técnico Darvin Ham não parece gostar da ideia de colocá-lo com Davis ao mesmo tempo, pois ainda não aconteceu.

    Thomas Bryant, o outro pivô do time, deve ser reavaliado esta semana depois de machucar o polegar pouco antes do início da temporada regular.

    [mediabr][/mediabr]

    Fala aí!