Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    02 de Junho de 2023 postado por Renato Campos

    nba_miles_turner_no_lakers_ainda_pode_ser_uma_realidade

    Para melhorar seu elenco o suficiente para buscar um título da NBA, o Lakers vai precisar tomar algumas boas decisões nesta offseason.

    O que tem sido muito falado nos bastidores é que o time deveria voltar com Anthony Davis para sua posição de ala e buscar um pivô titular no mercado.

    Essa estratégia teve muito sucesso na temporada 2019-20 com a dupla de pivôs JaVale McGee e Dwight Howard, que facilitaram a defesa e contra-ataques rotineiros que ajudaram o time a ser campeão na bolha.

    No último mês de fevereiro, o Lakers negociou por Mo Bamba, que lesionado, pouco pode mostrar.

    Antes de adquirir Bamba, havia rumores incessantes de que o Lakers estava interessado no pivô do Indiana Pacers, Myles Turner. Alguns ainda acreditam que a diretoria possa ir atrás dele, assim como possivelmente de Buddy Hield, nesta offseason. Esse era o pacote no qual havia rumores de que a equipe estava interessada quando buscava por um parceiro de troca por Russell Westbrook.

    Turner, que ainda tem 27 anos, parece ter a capacidade de ajudar a levar o Lakers ao próximo nível. Ele certamente tem as habilidades que o Lakers precisaria de um pivô para jogar ao lado de AD.

    Ele é um dos melhores bloqueadores da NBA e teve uma média de 2,3 tocos por jogo nesta temporada. Turner liderou a liga nessa categoria duas vezes em seus oito anos de carreira.

    Sua precisão de arremesso de três pontos aumentou e diminuiu ao longo dos anos, mas nesta temporada ele aparentemente melhorou nessa categoria, acertando 37,3% ao tentar quarto bolas de longa por noite.

    Alguns acreditam que o arremesso de três pontos em um pivô é uma necessidade absoluta para o Lakers, a fim de fornecer espaçamento ofensivo suficiente em torno de Davis e LeBron James.

    Outro ponto importante, com Turner assumindo esse tipo de função defensiva, Davis estaria livre para flutuar no perímetro, fazendo o trabalho dos arremessadores adversários ficar mais difícil.

    Em janeiro, o Pacers assinou com Turner uma extensão de US$ 60 milhões por dois anos em seu contrato. O time de Indiana têm um elenco jovem e promissor que inclui Bennedict Mathurin e Tyrese Haliburton, e é de se perguntar por que a diretoria do Pacers iria querer abrir mão de um jogador como Turner.

    Veremos o que vem pela frente.

    Fala aí!