Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Raphael Philipe

    30 de Novembro de 2023 postado por Raphael Philipe

    hood-schifino_comenta_como_foi_fazer_sua_estreia_na_nba

    O Lakers pegou a estrada para enfrentar o Philadelphia 76ers na segunda-feira, o que não foi uma noite nada boa para o time, já que perdeu por 44 pontos.

    Mas, enquanto o jogo ainda estava ao alcance, o novato Jalen Hood-Schifino fez uma aparição no primeiro período e depois teve mais tempo de jogo no final da partida. Hood-Schifino vinha lidando com uma contusão na patela direita que sofreu na pré-temporada e não vinha jogando.

    Estreia de Hood-Schifino pegou torcedores de surpresa

    A aparição do novato no primeiro período pegou os torcedores de surpresa e pode ser devido às ausências que hoje sofre a equipe, o que fez o técnico Darvin Ham buscar por algo. Hood-Schifino compartilhou seus pensamentos sobre sua estreia:

    “Me senti bem, honestamente. Estive fora por seis semanas, então poder entrar e ter alguns minutos foi uma grande bênção. Meu corpo estava bem. Mas sim, do ponto de vista pessoal, isso foi definitivamente um ponto positivo. Definitivamente me senti bem.”

    Apesar do jogo ter sido uma derrota esmagadora, Hood-Schifino tentou jogar de forma livre e com alguma energia em seus minutos no quarto período.

    “Continuei jogando. Quando entrei, obviamente não havia muito que pudéssemos fazer. Mas você nunca para de jogar até o jogo terminar, então acho que só de poder entrar lá e tentar controlar o que eu podia controlar e continuar jogando até o fim.”

    Jalen não sabia que iria jogar, mas se disse pronto

    Isso é um exemplo de ter que estar pronto, apesar de ser um novato em uma equipe que tem planos de disputar o título. Jogadores jovens podem nunca saber quando terão uma oportunidade e Hood-Schifino revelou que jogar contra os 76ers não era algo que Ham não o avisou com antecedência:

    “Não sabia, mas você sempre fica pronto, especialmente sendo um jovem. Você nunca sabe quando seu nome vai ser chamado ou quando vai entrar. Mas para mim, desde que fui liberado para jogar, é basicamente ficar sempre pronto.”

    Uma rotação de oito jogadores tem sido mais frequente do que os torcedores gostariam devido a lesões em muitos jogadores de rotação e foi bom ver o novato pelo menos ter a oportunidade de jogar. Ele não marcou em 11 minutos de ação, mas registrou duas assistências.

    Com jogadores ainda se recuperando de lesões, não se sabe quem aparecerá em cada jogo. Mas será interessante ver se Ham dará mais minutos pontuais a Hood-Schifino à medida que a temporada avança.

    Fala aí!