Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    29 de Janeiro de 2024 postado por Renato Campos

    estatisticas_mostram_o_quanto_o_lakers_melhorou_ofensivamente_nos_ultimos_jogos

    Possivelmente a maior razão pela qual o Lakers tem uma campanha mediana de 24-23 no momento é por conta do seu ataque. O time carece do poder de fogo geral que as melhores equipeas da NBA têm, e o seu arremesso de três pontos tem sido um grande problema.

    No entanto, o time pode estar começando a mostrar um renascimento. O Lakers venceu cinco dos últimos sete jogos e, embora a defesa deles não tenha sido muito forte durante esse período, a sua ofensiva tem se destacado.

    Lakers no topo da liga nos últimos sete jogos

    Nos últimos sete jogos, o Lakers ocupa uma posição próxima ao topo da NBA em várias categorias de ataque.

    Quinto em classificação ofensiva

    Terceiro em assistências (31,0 por jogo)

    Segundo em pontuação (126,7 pontos por jogo)

    Segundo em precisão geral de arremessos (51,8%)

    Sexto em tentativas de lances livres (25,7 por jogo)

    Quarto em precisão de lances livres (82,2%)

    Terceiro em pontos no garrafão (58,9 por jogo, empatado com o Houston Rockets)

    Primeiro em pontos em contra-ataque (24,6 por jogo)

    Na verdade, o Lakers até tem se destacado no que tem sido possivelmente a sua maior fraqueza nesta temporada. Nos últimos sete jogos, embora tenha sido o 28º em tentativas de arremessos de três pontos por jogo, ficou em quarto lugar em precisão com 40,9%.

    Russell tem sido um dos grandes motivos para a melhora do ataque do Lakers

    Claro, não é uma amostra muito extensa, mas essa excelência ofensiva coincidiu com o retorno de D'Angelo Russell ao time titular.

    Russell tem sido a força por trás da recente ascensão do Lakers. Enquanto LeBron James e Anthony Davis têm mantido números aproximadamente iguais aos que tinham antes dessa sequência de sete jogos, Russell parece um jogador diferente.

    Ele é o único jogador do Lakers que realmente elevou o seu jogo recentemente. Em seus últimos oito jogos desde que voltou a ser titular, ele tem médias de 27,5 pontos e 6,4 assistências por jogo, enquanto acerta 52,3% dos arremessos de quadra e 54,2% de três pontos.

    Ele efetivamente anulou a terrível fase pela qual passou na maior parte de dezembro e a fez se tornar quase uma lembrança distante.

    Na verdade, Russell tem jogado tão bem que, segundo relatos, deu ao Lakers motivo para hesitar quanto a trocá-lo por alguém como Dejounte Murray, do Atlanta Hawks.

    Fala aí!