Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Raphael Philipe

    03 de Janeiro de 2024 postado por Raphael Philipe

    o_lakers_tem_uma_grande_chance_de_mudar_o_rumo_das_coisas_na_nba

    Desde praticamente o momento em que o Lakers ergueu o troféu da Copa da NBA, a equipe tem enfrentado dificuldades. Com exceção talvez da vitória sobre o Thunder, o Lakers têm estado em uma trajetória negativa na segunda metade de dezembro, encerrando com apenas três vitórias em seus últimos 11 jogos após o título em Las Vegas.

    O calendário do time também não foi nada amigável. A viagem adicional a Vegas levou a várias viagens longas e poucas noites em casa. No final do mês, certamente parecia que isso cobrou seu preço, já que o Lakers parecia esgotado.

    Após um dezembro em que o time viajou a quinta maior distância na liga, de acordo com o Positive Residual, janeiro vai ser o mês que o Lakers terá sexta menor distância na estrada.

    A equipe deixará Los Angeles apenas uma vez em seus próximos 12 jogos, um período que dura até 25 de janeiro. Uma viagem a Utah é a única vez em que o Lakers vai pegar a estrada nesse trecho.

    Até dezembro, além de terem viajado a maior distância na liga, o Lakers também teve a segunda maior quantidade de jogos consecutivos e liderou com a maior quantidade de jogos disputados, com 35, graças a Copa da NBA. Para piorar a situação, o Lakers teve uma série de lesões nesse período, formando uma combinação bastante desgastante.

    Tudo isso se vira a favor do time nas próximas semanas. 

    Lakers precisa estar atento a nova série de jogos

    Isso não garante vitórias, um aviso que LeBron James fez a seus companheiros. E Darvin Ham compartilhou a mesma mensagem após a derrota para o Pelicans na segunda-feira, mas reconheceu essa oportunidade de recuperação.

    "Estamos 17-17, prestes a voltar para casa", disse Ham. "Acabei de dizer à equipe que precisamos nos unir, permanecer juntos, manter a competitividade. Temos a chance de voltar para nossa casa, dormir em nossas próprias camas, treinar em nosso próprio ginásio e tentar defender nosso mando de quadra e, nos próximos 30 dias, mudar as coisas."

    Os problemas do Lakers não serão resolvidos apenas por estar mais em casa. Mas uma maior capacidade de se concentrar nas falhas enquanto joga em casa, em uma situação mais favorável, pode ser exatamente o que a equipe precisa para iniciar uma sequência de vitórias.

    Fala aí!