Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Antonio Collar

    25 de Março de 2024 postado por Antonio Collar

    o_retrospecto_que_empolga_os_lakers_na_reta_final_da_temporada

    Com apenas 11 jogos restantes na temporada regular, são remotas as chances de os Lakers conseguirem uma classificação direta para os Playoffs. Apesar do bom momento, com três vitórias seguidas, a equipe segue na nona posição da Conferência Oeste, com três partidas de desvantagem em comparação ao Phoenix Suns.

    Daqui até a segunda quinzena de abril, vencer não será o suficiente. Para ficar com uma das seis primeiras colocações, Los Angeles terá de ver seus adversários diretos perderem, algo que não tem acontecido muito. Para se ter noção, todos os cinco times entre a quinta e a nona posição venceram seus compromissos mais recentes.

    LeBron James comentou a situação. Segundo ele, o foco do elenco agora tem de estar dentro do próprio vestiário, já que não há nada que possa ser feito com relação ao momento dos rivais.

    "Não podemos controlar as posições se outras equipes ainda estiverem jogando bem. O que podemos controlar é entrar em quadra e jogar, tentar vencer o máximo de jogos possível e ver onde chegamos", disse em entrevista ao Los Angeles Times.

    Play-in parece inevitável para os Lakers

    E LeBron James tem razão. A esta altura, uma classificação direta aos Playoffs já seria considerada histórica. Com pouco mais de duas semanas para o fim do calendário, ainda são três times que precisariam ser superados, todos eles com 70% de aproveitamento nas últimas 10 rodadas.

    Além de manter o grupo focado no próprio desenvolvimento, a leitura de LeBron evita com que uma possível participação no Play-in seja encarada com frustração pelos colegas. Por isso, ele acerta ao dizer que mais importante do que a posição é como os Lakers estão jogando.

    Outro motivo para o craque se manifestar desta forma está no histórico da própria equipe, que no ano passado precisou passar pela fase de repescagem e mesmo assim teve forças para eliminar o segundo colocado Memphis Grizzlies e mais tarde avançar às finais da Conferência. Os Lakers e a NBA sabem: independentemente da posição, será um problema encarar este time na pós-temporada.

    Campanha em jogos únicos empolga

    O Play-in foi uma solução implantada pela NBA para conseguir finalizar a temporada de 2020, interrompida pela pandemia, e acabou virando regra para os anos seguintes. Ainda que o formato seja uma novidade, é possível dizer que os Lakers estão se tornando especialistas neste modelo.

    Caso confirmem a participação novamente, será a terceira vez que veremos LeBron e Anthony Davis nesta fase. As duas outras ocorreram em 2021 e 2023, e o final foi feliz para a torcida, com a classificação confirmada em ambas as oportunidades.

    Em 2021, o adversário foi o Golden State Warriors, algo que pode se repetir nas próximas semanas. Com quatro dos cinco titulares que seriam campeões um ano mais tarde, Golden State fez jogo duro, mas James acertou o arremesso de 3 pontos que consolidou a vitória por 103 a 100.

    No ano passado, o duelo foi com o Minnesota Timberwolves. Na disputa entre experiência e juventude, melhor para os veteranos de Los Angeles, que garantiram a vitória na prorrogação. James e Davis anotaram duplos-duplos, e Dennis Schröder comandou a segunda unidade com 21 pontos vindo do banco de reservas.

    As outras três ocasiões em que os Lakers precisaram encarar confrontos eliminatórios únicos foram ainda nesta temporada, mas desta vez pela Copa NBA. O time treinado por Darvin Ham levou a melhor sobre os Suns, em Los Angeles, nas quartas de final, e mais tarde bateu New Orleans Pelicans e Indiana Pacers, em Las Vegas, para confirmar o título.

    Mesmo que a nona colocação seja desconfortável e obrigue LA a passar por duas rodadas de Play-in para chegar aos Playoffs, algo que seria inédito, vale ressaltar que o time desde ano tem aproveitamento superior ao de 2023 (54%, contra 52%).

    Relembre o desempenho dos Lakers

    2021: Play-in (classificado)

    Los Angeles Lakers 103x100 Golden State Warriors

    Destaques: Anthony Davis (25 pontos e 12 rebotes) e LeBron James (22 pontos, 11 rebotes e 10 assistências)


    2023: Play-in (classificado)

    Los Angeles Lakers 108x102 Minnesota Timberwolves

    Destaques: LeBron James (30 pontos e 10 rebotes) e Anthony Davis (24 pontos e 15 rebotes)


    2023: Copa NBA, quartas de final (classificado)

    Los Angeles Lakers 106x103 Phoenix Suns

    LeBron James (31 pontos, 11 assistçencias) e Anthony Davis (27 pontos e 15 rebotes)


    2023: Copa NBA, semifinal (classificado)

    Los Angeles Lakers 133x89 New Orleans Pelicans

    LeBron James (30 pontos e 8 assistências) e Anthony Davis (16 pontos e 15 rebotes)


    2023: Copa NBA, final (campeão)

    Los Angeles Lakers 123x109 Indiana Pacers

    Destaques: Anthony Davis (41 pontos e 20 rebotes) e LeBron James (24 pontos e 11 rebotes)


    Fala aí!