Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Antonio Collar

    01 de Abril de 2024 postado por Antonio Collar

    a_estatistica_de_3_pontos_em_que_lebron_james_supera_stephen_curry_na_temporada

    É possível o jogador mais velho em atividade na NBA, com 21 temporadas de experiência, continuar melhorando? Quando o personagem em questão é LeBron James, a resposta para esta pergunta aparentemente é sim.

    Na noite de domingo, o Rei deu mais um show na vitória dos Lakers sobre o Brooklyn Nets e terminou a partida no Barclays Center com a sua terceira performance de 40 pontos na temporada. De quebra, igualou seu recorde pessoal em arremessos triplos e converteu nove das 10 tentativas que teve do perímetro.

    Este, aliás, é um aspecto de LeBron que mostra bem como o camisa 23 acostumou-se a evoluir de acordo com as mudanças no esporte. Se antes seu chute de média e longa distância era apontado como uma das fragilidades do seu arsenal, hoje mais do que nunca isso virou papo do passado.

    Alguns números com o uniforme dos Lakers ajudam a ilustrar isso muito bem. Seus seis anos em que mais arriscou de fora do garrafão foram justamente os mais recentes, desde que desembarcou em Los Angeles. Em 2021-22, chegou a tentar 8.0 bolas triplas por jogo, sua maior marca na carreira.

    Além disso, nove das 10 atuações com mais arremessos convertidos do perímetro foram pela franquia roxa e dourada. A única exceção nesta lista se deu em um jogo pelo Cleveland Cavaliers, em 2009, quando acertou oito vezes nas 11 tentativas desta maneira.

    Em 2024, LeBron James supera Stephen Curry

    A discussão sobre o maior arremessador de todos os tempos não está aberta. É Stephen Curry, e não existe número que nos permita cogitar outro em seu lugar. O craque do Golden State Warriors caminha para atingir os 4 mil arremessos triplos, enquanto nenhum outro chegou aos 3 mil - quem mais se aproxima é James Harden, atualmente com 2.931.

    Ainda assim, nesta temporada, a chance de uma bola de 3 pontos resultar em cesta é maior quando LeBron James arremessa. O aproveitamento de LBJ atrás da linha é de 41.6%, o melhor em sua carreira, enquanto Curry acerta 40.3%. O recorte, claro, é referente somente às partidas de 2023-2023.

    Esta é apenas a segunda vez que LeBron consegue uma marca acima dos 40%. A anterior, 40.6%, foi em 2013, quando ainda defendia o Miami Heat. Na oportunidade, o craque foi eleito o MVP da temporada regular, além de comandar a equipe ao segundo título consecutivo e receber também o troféu de MVP das Finais. Hoje, já com a aposentadoria no horizonte, ele consegue superar um feito de quando estava no auge.

    LeBron James, inclusive, é o 21º atleta da NBA em aproveitamento do perímetro. Além de Steph, ele supera nomes como CJ McCollum (41.4%), Paul George (41.3%), Kyrie Irving (41.1%) e Duncan Robinson (40.3%), todos conhecidos pela letalidade da zona tripla.

    LeBron James terminará como um dos maiores da história

    Maior pontuador na temporada regular e nos Playoffs, quarto jogador com mais assistências na história, LeBron deve terminar também nas primeiras posições do ranking de arremessadores de 3 pontos.

    Se você o acompanha desde os primeiros anos na NBA, talvez esta seja a mais inacreditável de todas as estatísticas que ele coleciona. Atualmente, King James é o oitavo que mais acertou arremessos desta forma, com 2.404. Para efeitos de comparação, Kobe Bryant, sempre conhecido pelo bom arremesso, acertou 1.827.

    Dos sete nomes ainda à frente de LeBron, quatro seguem em atividade: Stephen Curry (1º, 3.719), James Harden (3º, 2.931), Damian Lillard (4º, 2.597) e Klay Thompson (7º, 2.450). Os aposentados são Ray Allen (2º, 2.973), Reggie Miller (5º, 2.560) e Kyle Korver (6º, 2.450).

    Pelos Lakers, a média é de 2.3 cestas triplas por partida. Se mantiver este número, LeBron precisará de 20 jogos para superar Korver e 68 para deixar o histórico Reggie Miller para trás - até 2011, o ídolo do Indiana Pacers era o líder desta lista. A missão de alcançar Ray Allen parece impossível, pois precisaria de 247 (mais de 3 temporadas completas).

    Ainda assim, se tratando de LeBron James, é bom Ray Allen abrir o olho.



    Fala aí!