Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    sem_complicacao,_lakers_vence Em um jogo até certo ponto morno, o Lakers não teve maiores dificuldades para vencer o lanterninha da NBA. De quebra, o time venceu sua 10ª partida seguida e segue na liderança da conferência Oeste, seguido pelo San Antonio Spurs, que mais cedo conseguiu uma boa vitória frente ao Dallas Mavericks.

    Logo no começo do primeiro quarto de jogo, o time do Lakers já mostrava que não teria problemas para vencer o pior time da liga. Com os jogadores se alternando na pontuação, o placar chegou rapidamente em 18 a 4 para o Lakers. Kobe Bryant, além de fazer seus pontos, ia muito bem na distribuição de bolas. Com isso, Gasol, Odom e Walton aproveitavam para fazer alguns pontos. Pelo lado do Heat, Wade não vinha nada bem e quem pontuava mais para o time era Mark Blount. Depois de chegar a ter 14 pontos de vantagem, o Lakers meio que deu uma desligada nos minutos finais e permitiu uma ligeira reação do Miami. Com Shawn Mario aparecendo um pouco mais e Marcus Banks acertando uma bola de três no último segundo, o primeiro período acabou em 26 a 19 para o time local.

    O início do segundo quarto de jogo repetiu o ocorrido no primeiro período. Estando a fim de jogo, o Lakers não tinha grandes dificuldades para ampliar a vantagem, que chegou novamente a 14 pontos com Sasha e Farmar aparecendo bem. Depois disso, o Lakers conseguiu abrir 18 pontos antes de novamente soltar o acelerador. Acertando um pouco mais de longas distâncias, o Heat conseguiu reduzir a vantagem do Lakers para apenas 8 pontos. Antes de o primeiro tempo se encerrar, Bryant ainda conseguiu mais 4 pontos, com o Lakers vencendo o segundo quarto por 27 a 22 e 12 pontos de vantagem.

    Dwyane Wade voltou dos vestiários disposto a tentar uma reação depois de sair zerado do primeiro tempo de jogo. Enquanto o Lakers não ia muito bem, Wade foi o responsável por 9 dos primeiros 11 pontos do Heat no terceiro quarto, ajudando seu time a reduzir a diferença para apenas 7 pontos, com 59 a 52 para o Lakers. Dez pontos seguidos do Lakers esfriaram um pouco a reação do Miami. E dentro destes 10 pontos, 2 merecem um destaque maior pela beleza da jogada, onde Kobe Bryant e Luke Walton acertaram passes por trás das costas para Odom finalizar e levantar os torcedores. Após mais 4 pontos do Heat, o jogo esfriou e as equipes pouco produziram até o final do terceiro quarto, vencido pelo Lakers por 20 a 17. Farmar com uma bonita enterrada perto do final fazia outra bela atuação.

    Mas aquela enterrada era pouco perto na grande noite de Jordan Farmar. Após Sasha Vujacic fazer os três primeiros pontos do Lakers no quarto quarto, Farmar foi o autor dos próximos 9 pontos de sua equipe, igualando sua melhor marca na carreira com 21 pontos. O jogo seguia no mesmo roteiro, ou seja, quando precisava o Lakers fazia seus pontos e três deles foram especiais, já que foi de uma cesta de três convertida por Farmar para estabelecer um novo record em sua carreira, com 24 pontos. O jogo seguia no mesmo ritmo morno, com o Heat chegando a reduzir a vantagem para 9 pontos. Como golpe final, o Lakers acertou mais 10 pontos seguidos para acabar com qualquer chance, vencendo o duelo por 106 a 88.

    Certamente não foi um jogo muito emocionante, mas vale destacar que o time venceu todos os quarto quartos do jogo e que jamais foi ameaçado na partida. Além disso, Kobe Bryant não foi o cestinha do Lakers. Com 21 pontos, ele ficou a trás de Farmar, com 24. Além, deles, Gasol, Odom e Vujacic conseguiram mais de 10 pontos. Luke Walton, com 9 pontos e 11 rebotes e Ronny Turiaf, 7 pontos e 12 rebotes foram outros que apareceram bem. Esta foi a 41ª primeira vitória do Lakers que segue a passos largos em busca da classificação antecipada para a pós temporada.


    Lakers

    Jordan Farmar: 24 pontos
    Kobe Bryant: 21 pontos e 8 assistências
    Pau Gasol: 13 pontos e 11 rebotes
    Lamar Odom: 13 pontos e 11 rebotes
    Ronny Turiaf: 7 pontos e 12 rebotes
    Sasha Vujacic: 12 pontos

    Heat

    Dwayne Wade: 18 pontos
    Shawn Marion: 13 pontos e 11 rebotes
    Rick Davis: 14 pontos e 9 assistências

    Fala aí!

    Lakers Brasil: Desde 2006, tudo sobre o Los Angeles Lakers

    • Facebook
    • Instagram
    • Twitter