Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    06 de Maio de 2008 postado por Renato Campos

    bryant_vence_seu_primeiro_mvp Kobe ganhou na tarde desta terça feira seu primeiro prêmio MVP, após 12 anos de trabalho duro na Liga. Ele liderou o Lakers ao primeiro lugar na Conferência Oeste no final da temporada regular.

    Kobe irá receber seu troféu na quarta-feira, quando o Lakers enfrenta o Jazz em Los Angeles no Staples Center, na segunda partida da série. Bryant ficou na frente de Chris Paul, Kevin Garnett e LeBron James na votação. "É Hollywood, um roteiro de cinema. O final perfeito para nós seria erguer o troféu de campeão no final do campeonato", disse Kobe. "Este é um prêmio que eu não poderia ter vencido sozinho. Não há como não agradecer meus companheiros de equipe. Eles são meus caras, meus irmãos. Estaremos prontos para amanhã", disse o astro do Lakers.

    O técnico Phil Jackson fez questão de dizer palavras reveladoras e também muito verdadeiras sobre o feito alcançado por Bryant. "Eu não conheço ninguém que tenha merecido mais este prêmio", disse o Mestre Zen. "Não conheço alguém que tenha trabalhado tão duro para conseguir o que ele conquistou", revelou o técnico que já treinou o 5 vezes MVP Michael Jordan e treinou Shaquille O'neal, quando este venceu o troféu no ano 2000. "Eu tenho dito há dois, três anos que Kobe é o melhor jogador da Liga", disse Lebron James, antes do jogo número 1 da série contra o Boston Celtics. "Estou contente que ele venceu. Seu time teve um grande ano, terminando em primeiro do Oeste".

    O eterno companheiro de Bryant na armação do L.A., o experiente armador Derek Fisher também teceu comentários sobre a conquista de Kobe. "Ele merece, particularmente neste campeonato com todas as dúvidas e incertezas que passou desde o início da temporada", revelou Fisher. "Não apenas ele foi o MVP nas estatísticas, mas por tudo que ele fez. Ele atingiu finalmente o critério de melhorar seus companheiros de equipe", finalizou Derek. O Assistente Técnico Brian Shaw também analisou o atual momento de Bryant. "Ele é um melhor companheiro de equipe agora do que foi inclusive na época dos títulos", disse ele. "Isso é fruto da sua maturidade. Definitivamente houve épocas em que ele não foi um bom companheiro de time. Ninguém trabalhou mais duro que ele. E isso permanece ainda hoje", revelou Shaw. "No aspecto de conexão com seus colegas de time fora da quadra, ele realmente não fazia muita questão. Agora, o que eu ouço, é que eles saem para jantar com ele o tempo todo. Quem sabe? Talvez ele goste mais dos seus companheiros de equipe do que de nós", disse Brian sorrindo, talvez por não ter sido convidado para estes eventos.

    "Eu não esperava que fosse ganhar este prêmio", disse Bryant. "Estou surpreso. Eu joguei muito bem em outros campeonatos. Nosso time não vinha bem. As coisas agora se acertaram", analisou o melhor jogador do mundo. "Isso é uma bênção, um ótimo dia. Este é um prêmio de time, não individual. Se fosse individual, eu teria ganho quando tive médias de 40 pontos. Esses caras me fizeram parecer melhor do que sou. Não conseguiria sem eles", disse Kobe, referindo-se aos seus colegas de time. Para finalizar, ele foi questionado sobre como irá se sentir ao ouvir os gritos de MVP amanhã no Staples Center, e respondeu: "Estou orgulhoso de representar esta cidade". Este é Kobe Bryant, gostem ou não, Lakers de coração. GO KOBE GO LAKERS!!

    Fala aí!