Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    11 de Fevereiro de 2016 por Renato Campos

    Não precisa entrar em pânico e nem começar a me xingar. Vamos bater um papo sobre Dwight Howard.

    Ele saiu pela portas dos fundos e é odiado em Los Angeles. Quando foi para o Rockets, o "Superman" chegou ao time de James Harden com a pompa de que seria campeão muito em breve. Pouco tempo se passou e a situação é bem diferente por lá. O Rockets tá lutando para conquistar uma vaguinha nos playoffs e Dwight Howard abertamente disse que gostaria de ter ido para o Bucks no último prazo de trocas.

    Alguns especialistas já disseram que dificilmente Los Angeles será o destino de Kevin Durant na próxima temporada. O astro do Thunder, tem ao seu lado Russell Westbrook e apesar de problemas com lesões, o seu time é sempre considerado um aspirante a título quando começa a temporada. Antes do Lakers, times como o Wizards, Heat e o atual campeão Warriors já mostraram interesse pelo jogador e que convenhamos, todos estes times tem um elenco muito mais bem formado que o nosso. 

    Se considerarmos Durant carta fora do baralho, até porque o Lakers pode ter seu futuro jogador da posição 3 no próximo draft, nomes como DeMar DeRozan, Al Horford ficam em questão. Será mesmo que DeRozan e Horford irão causar o mesmo impacto que Durant faria? Na minha humilde opinião, acredito que não.

    É aí que nosso papo volta a incluir Dwight Howard. 

    As últimas duas temporadas o Lakers sofreu sem a presença de um pivô que dominasse o garrafão. Nos últimos dois anos, o time foi uma das piores defesas da liga.  Hoje, Roy Hibbert é praticamente um jogador a menos no quinteto titular do time. Contra o Warriors, se me lembro bem, até Marcelinho Huertas teve mais rebotes que o antes super-defensivo-pivô. Nomes como Robert Sacre Jordan Hill e Tarik Black tentaram se firmar por lá, mas fora Hill que foi uma perda para o Lakers, Sacre e Black ainda não provaram seu valor (se é que Sacre ainda consegue provar alguma coisa).

    Howard tem médias de 15 pontos e 12 rebotes

    Será que Dwight Howard realmente não poderia ajudar o atual Lakers retornando a Los Angeles? Será que Howard e Randle não poderiam fazer uma baita dupla de garrafão? Hoje, com 11 temporadas nas costas, o pivô tem médias de 15 pontos, 12.1 rebotes e 1.5 tocos por jogo. Tirando sua pontuação que baixou, muito por jogar ao lado de Harden, Howard mantém seus números muito próximos do que fez até aqui. Quando esteve no Lakers, Howard teve médias bastante parecidas nos 76 jogos que disputou. Por aqui, foram 17.1 pontos, 12.4 rebotes e 2.4 tocos por jogo.

    Mesmo que não seja aquele pivô que partia pra cima de qualquer defesa, será mesmo que Howard não seria uma boa solução pro garrafão?

    Aproveite pra relembrar alguns lances de Howard por aqui e conta pra gente o que você pensa sobre a hipótese de ter o pivô de volta à Los Angeles.

    Fala aí!