Espalhe!
  • Bate Papo 0
    Renato Campos

    29 de Outubro de 2016 por Renato Campos

    Não foi lá como o jogo de estréia.

    Para um time em desenvolvimento, você precisa estar pronto para momentos de muita oscilação. E foi o que aconteceu na noite desta sexta em Salt Lake City. Sem dois dos nossos principais pontuadores, (Clarkson e Russell) jogando bem, o Lakers acabou sendo derrotado pelo Jazz por 96-89.

    Apesar de se manter no placar por grande parte do jogo, Lakers e Jazz fizeram uma partida técnicamente de baixo nível. Basta analisar o aproveitamento dos dois times para perceber que tivemos mais erros que acertos. O Lakers ficou na casa dos 38 por cento de acertos, e o Jazz ligeiramente melhor com 41 por cento.

    Noite nada boa para os mais jovens

    Depois de um primeiro tempo bastante confuso ofensivamente, o Lakers retornou para o segundo tempo mais ligado, mas a bola insistia em não cair quando os arremessos eram feitos por nossos armadores. Apesar disto, o técnico Luke Walton manteve Russell em quadra lembrando uma velha estratégia do nosso grande Phil Jackson de deixar os jogadores enfrentarem situações adversas. Com apenas três acertos em 14 arremessos, Russell não fez um bom jogo e em uma rápida análise, foi um dos pontos cruciais para a derrota no segundo jogo da temporada.

    Estou orgulhoso em ver esses caras lutando até o fim. @LukeWalton

    Com Mozgov que vinha bem na partida, carregado de faltas, o Lakers sofreu contra a dupla Gobert e Favors no garrafão. Se Russell e Clarkson não fizeram uma boa partida, não podemos dizer o contrário de Julius Randle. Com apenas sete pontos e quatro rebotes, Randle se mostrou apagado em grande parte do tempo.

    Veteranos tentam recuperação

    Se os mais novos não conseguiam resolver, os veteranos entraram em cena. Deng, Williams e Young foram os maiores destaques do time e juntos marcaram 42 dos 89 pontos do time. Deng terminou a noite com um duplo-duplo ao marcar 12 pontos e pegar 12 rebotes. Williams acabou sendo o cestinha do time com 17 pontos com 50 por cento de aproveitamento e Nick Young marcou 13 pontos acertando três de seus sete arremessos.

    O maior susto da noite ficou por conta de Brandon Ingram. Sozinho, o calouro sentiu um desconforto no joelho ainda no inicio da partida e não retornou para ser melhor avaliado neste sábado.Ao final da partida o calouro fez questão de tranquilizar a torcida:

    É apenas uma tendinite. Nada sério. @BrandonIngram

    Agora o Lakers tem o sábado de descanso e de análise dos pontos negativos da partida e no domingo enfrenta o Thunder de Westbrook em Oklahoma.

    Atuações:

    MOZGOV: 8 pts, 6 reb, 1 ast, 1 rou e 2 toc em 23 min (1-4 FG);
    RANDLE: 7 pts, 4 reb, 1 ast e 2 toc em 27 min (3-7 FG);
    DENG: 12 pts, 12 reb, 2 rou e 1 toc em 34 min (5-12 FG);
    YOUNG: 13 pts e 1 toc em 24 min (3-7 FG);
    RUSSELL: 9 pts, 5 reb, 5 ast e 2 rou em 32 min (3-14 FG);

    NANCE JR.: 5 pts e 3 reb em 16 min (2-4 FG);
    INGRAM: 2 pts em 4 min (1-2 FG);
    HUERTAS: 4 pts, 4 reb e 3 ast em 15 min (2-6 FG);
    WILLIAMS: 17 pts, 6 ast e 1 rbo em 27 min (6-12 FG);
    BLACK: 8 pts e 7 reb em 10 min (4-6 FG);
    ROBINSON: 0 pts em 2 min (0-1 FG);
    CLARKSON: 4 pts, 2 reb e 1 toc em 25 min (2-9 FG);

    Jazz

    R.GOBERT: 13 pts, 13 reb, 1 ast e 4 toc em 32 min (4-9 FG);
    G.HILL: 23 pts, 3 reb, 3 ast e 1 toc em 35 min (7-14 FG);
    D.FAVORS: 15 pts, 9 reb, 1 ast, 2 rou e 2 toc em 20 min (4-7 FG);

    Fala aí!