Espalhe!
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • Bate Papo 0
    nba_lakers_deve_tentar_uma_troca_por_kemba_walker

    Kemba Walker foi negociado durante a última semana e se tornou o mais novo membro do Oklahoma City Thunder, na troca que levou Al Horford de volta para Boston.

    Além de Horford, o time do Celtics também recebeu o jogador Moses Brown e enviou também para o Thunder, sua escolha de primeira rodada do próximo draft e outra de segunda rodada de 2025. Por sua vez, o Thunder mandou uma escolha de segunda rodada de 2023 para Boston.

    A atual temporada acabou sendo decepcionante para o time de Boston. Eles terminaram na sétima posição no Leste e logo foram eliminados pelo Nets na primeira rodada dos playoffs, depois que uma série de lesões deixaram o time sem nenhuma chance de algo maior.

    Adquirir Horford fornece ao time um pivô que espaça bastante a quadra e ajuda a defesa. Brown é um jovem pivô que não parece muito bom defensivamente, mas há otimismo de que ele possa se tornar um jogador sólido.

    Para o Thunder, adquirir Walker não faz muito sentido neste momento. Shai Gilgeous-Alexander é o armador titular, e Theo Maledon pode se tornar um reserva promissor.

    Se o Thunder entrar em contato com equipes para uma troca por Walker, o jornalista Marc Spears da ESPN acredita que o Lakers pode ser um bom candidato.

    Se eu fosse o Lakers, porque não trocar por Kemba? Kuzma já parece que tem seu caminho fora do time definido.

    Se o Lakers quiser trocar por Walker, a primeira pergunta que ambas as equipes devem responder é se os contratos funcionam?

    Walker deve ganhar algo em torno de US$ 36 milhões na próxima temporada e mais de US$ 37 milhões em 2022-23 antes de se tornar um agente livre.

    Os únicos jogadores que o Lakers pode incluir em um acordo são Kentavious Caldwell-Pope e Kyle Kuzma. Montrezl Harrell tem uma opção de jogador pendente que funcionaria se ele a exercesse, e Dennis Schroder será agente-livre. Schroder teria que concordar com um acordo de sign-and-trade para retornar à sua ex-equipe.

    Supondo que o Thunder aceite qualquer combinação desses jogadores - e OKC sempre pode negociá-los novamente como fez várias vezes recentemente - incluindo uma escolha de draft, o negócio pode acontecer.

    O Lakers têm a 22ª escolha geral no draft deste ano, que OKC pode buscar em uma possível troca.

    Em termos de salário, os contratos combinam. Mas será que Walker é o tipo de jogador de que o Lakers precisa agora, enquanto a janela por título da dupla LeBron-Davis está aberta?

    O Lakers precisa desesperadamente de uma terceira opção confiável para ajudar James e Davis, e Walker poderia em tese ocupar esse papel.

    Em Los Angeles, Walker teria um papel semelhante que ele teve em Boston. Ele poderia iniciar jogadas como o principal armador, e além disso, pode ajudar na pontuação do time. Walker teve uma média de 15.7 arremessos por jogo nesta temporada.

    O armador de 31 anos pode tornar o ataque do Lakers mais dinâmico, embora seu aproveitamento de 35,1 por cento em arremessos de média distância deixe muito a desejar.

    Na temporada passada, o Lakers simplesmente não tinha jogadores suficientes para suprir a necessidade ofensiva além de James ou Davis. Schroder teve seus momentos durante a temporada regular, mas sua eficiência diminuiu muito e como ele jogou nos playoffs deixou um gosto amargo.

    Insider revela salários que Alex Caruso e Horton-Tucker podem ganhar na próxima temporada

    Mas a grande preocupação além do contrato pesado de Walker é sua saúde. De 2015 a 2019, Walker jogou 322 de 328 jogos. Desde que chegou ao Celtics, ele jogou 99 de 154 jogos.

    Embora Walker seja especulação neste momento, Kyle Lowry é supostamente outro alvo no radar e muito mais confiável. Mas se o Lakers puxar o gatilho para tentar algo por Walker, isso pode funcionar de forma brilhante ou arruinar as esperanças de ganhar um título em breve.

    Fala aí!